Réveillon do Rio terá 10 horas de duração e 14 minutos de fogos

A expectativa de público alcança dois milhões de pessoas

O Réveillon de 2019 do Rio de Janeiro terá quase dez horas de duração, oferecendo ao público diversas atrações musicais, como a cantora Ludmilla e o compositor e cantor Gilberto Gil. Já a queima de fogos será mais potente, com 14 minutos de duração, gerando maior impacto visual e redução de fumaça. O anúncio foi feito hoje (18), no Palácio da Cidade, pelo prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella.

Em Fortaleza, a festa começa às 18h do dia 31 de dezembro e promete ter show pirotécnico com a duração de 17 minutos, maior que o estipulado para o Rio de Janeiro. No ano passado, a capital do Ceará teve a maior queima de fogos do país, com 18 minutos, superando inclusive o Réveillon de Copacabana.

Segundo ele, a expectativa de público alcança dois milhões de pessoas. Crivella informou que haverá celebração da virada do ano em outros oito bairros da cidade das zonas sul, norte e oeste da cidade (Flamengo, Guaratiba, Ilha do Governador, Ilha de Paquetá, Madureira, Penha, Ramos e Sepetiba).

“Teremos o melhor réveillon de todos os tempos. Novidades fantásticas. Estamos esperando um público espetacular. Esse réveillon é o primeiro passo para uma virada no Rio”, disse o prefeito.

Com o tema Réveillon do Rio, Onde Ser Carioca É Natural, a festa da virada em Copacabana, promovida pela prefeitura, por intermédio da Empresa Municipal de Turismo (Riotur), prestará homenagem a todos os cariocas, mesmo àqueles que não nasceram no município, e contará com diversidade de ritmos musicais, entre os quais música popular brasileira (MPB), funk, samba e música eletrônica.

Criado pelo cenógrafo Abel Gomes, o palco que será montado na Praia de Copacabana terá 600 metros quadrados de extensão por 22 metros de largura e será dotado de grande telão de led, com iluminação especial. O mestre de cerimônia do evento será o locutor Norival Jr, conhecido como Orelhinha.


Categorias Relacionadas