Já são 290 casos de coronavírus no Brasil, segundo o Ministério da Saúde

Os dados oficiais ainda não contabilizam o primeiro óbito e alguns casos confirmados pelas Secretarias de Saúde dos estados

Legenda: O Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, dá detalhes sobre a situação do coronavírus no país
Foto: Foto: Agência Brasil

O último balanço do Ministério da Saúde desta terça-feira (17), divulgou 291 casos confirmados do coronavírus no Brasil. Os suspeitos ontem eram 2.064, hoje já são 8.819, o número aumentou quase quatro vezes.

A maior parte das incidências está nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro, que contam, respectivamente, com 164 e 33 casos. Em seguida, vem o Distrito Federal (21), Pernambuco (16), e Rio Grande do Sul (10). Também possuem casos Santa Catarina e Minas Gerais (7), Goiás e Paraná (6), Sergipe e Mato Grosso do Sul (4), Bahia (3) e Amazonas, Rio Grande do Norte, Alagoas e Espírito Santo (1).

O balanço oficial ainda não contabiliza a primeira morte que foi confirmada em São Paulo e outros casos que já foram confirmados pelas Secretarias de Saúde dos estados. No Ceará, a Secretaria já informou que são nove os casos confirmados e ainda hoje deve divulgar uma atualização. 

O Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, explicou que é normal os dados oficiais divergirem, "não é online. Ocorre com certa frequência de as secretarias noticiarem casos após [a consolidação do balanço do ministério]". 
 

Tire as dúvidas sobre o novo coronavírus: 

A Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou pandemia do Covid-19, no dia 11 de março. O órgão alertou que o número de pacientes infectados, de mortes e de países atingidos deve aumentar nos próximos dias e semanas.

O termo pandemia se refere ao momento em que uma doença já está espalhada por diversos continentes com transmissão sustentada entre as pessoas.

TRANSMISSÃO E CUIDADOS

O novo vírus é transmitido por vias respiratórias, pelo ar, e por gotículas de saliva que saem em um espirro ou tosse, por exemplo, e também podem ser transferidas por contato físico ou superfícies contaminadas.

SINTOMAS

Os principais sintomas são tosse seca, febre e cansaço. Algumas pessoas podem sentir dores no corpo, inflamação na garganta, congestionamento nasal e diarreia.

PREVENÇÃO

As pessoas devem ter cuidado com a higienização das mãos e evitar tocar mucosas do olho, nariz e boca.


Categorias Relacionadas