Golfinho-nariz-de-garrafa é encontrado morto no litoral de Santa Catarina

Animal é uma fêmea adulta de 2,7 metros e 117 kg; necropsia vai tentar identificar a causa da morte

Legenda: Golfinho é uma fêmea adulta que mede 2,57 metros e pesa 177 kg
Foto: Foto: R3 Animal


Um golfinho-nariz-de-garrafa (Tursiops truncatus) foi encontrado morto nas areias da Praia Brava, no norte da Ilha de Santa Catarina, durante um monitoramento diário das praias, informou, nesta quinta-feira, a ONG R3 Animal. 

O animal foi identificado como uma fêmea adulta, medindo 2,57 metros e pesando 177 kg. O cetáceo foi levado para o Centro de Pesquisa, Reabilitação e Despetrolização de Animais Marinhos (CePRAM) onde passará por necropsia para tentar identificar a causa da morte. 

"Essa espécie de cetáceo é comum na nossa região. Eles costumam nadar em pequenos e grandes grupos. Eles vivem em águas tropicais e temperadas de todo o planeta. É a espécie de golfinho mais conhecida. Seu rosto é curto e grosso, o que lhe dá o nome popular de nariz de garrafa. Pode atingir 3,5 metros de comprimento. Alimenta-se de peixes, polvos e crustáceos. Uma das principais causas de morte é a interação com atividades humanas, como por exemplo: a pesca incidental, a degradação do habitat e a poluição", informou comunicado da ONG. 

Foto: Foto: R3 Animal

A R3 Animal encontrou o animal por meio do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS), uma atividade desenvolvida para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal das atividades da Petrobras de produção e escoamento de petróleo e gás natural no Polo Pré-Sal da Bacia de Santos, conduzido pelo Ibama. 

Esse projeto tem como objetivo avaliar os possíveis impactos das atividades de produção e escoamento de petróleo na Bacia de Santos sobre as aves, tartarugas e mamíferos marinhos, através do monitoramento das praias e do atendimento veterinário aos animais vivos e necropsia dos animais encontrados mortos. 

O PMP-BS é realizado desde Laguna (SC) até Saquarema (RJ), sendo dividido em 15 trechos. Em Florianópolis, o trecho 3, o projeto é executado pela R3 Animal.  O CePRAM/R3Animal fica localizado no Parque Estadual do Rio Vermelho, unidade de conservação sob responsabilidade do Instituto do Meio Ambiente (IMA-SC) em parceria com a Polícia Militar Ambiental.

Foto: Foto: R3 Animal

 


Categorias Relacionadas