Ferramenta digital impulsa melhoria nos processos seletivos do ensino superior

Plataforma Vestibular Online garante confiabilidade na prova EAD.

Foto: Foto: Divulgação

É certo que o ensino a distância deixou de ser tabu e passou a ser visto, também, como uma boa opção para quem deseja estudar. Com a pandemia do novo coronavírus, a modalidade mesmo que momentaneamente deixou de ser uma escolha para uma necessidade.

O uso de novas tecnologias no ensino pode proporcionar otimização de tempo e deslocamento do aluno, aumentando a redução de custos do estudante e das instituições, além de aumentar a capacidade de atendimento, dentre outras vantagens.

A possibilidade de fazer processo seletivo por provas on-line é uma experiência positiva que muitas instituições de ensino já estão tendo. “Fazemos processos seletivos pelo Vestibular Online há mais de 3 anos. Antes, as provas eram realizadas nos laboratórios da instituição, agora, vamos possibilitar que o candidato possa fazer a prova de casa”, explica André Fontoura, gestor comercial do Senac – RS.

Citada pelo gestor, a plataforma Vestibular Online é apontada por especialistas da área educacional como solução para as instituições de ensino se reinventarem, por oferecer facilidade e comodidade na aplicação de processos seletivos.

“Neste momento, a maior vantagem é permitir que a instituição não pare a sua captação e o candidato tenha a flexibilidade de poder fazer a prova de onde estiver”, afirma Joyce Guedes, diretora do Vestibular Online. Para Fontoura, “o uso da plataforma traz vários benefícios, não precisa de uma equipe, o retorno é mais ágil e seguro, ainda mais agora com o cenário da pandemia do coronavírus”.

No mesmo caminho de substituição da aplicação de provas presenciais para digitais, pela primeira vez, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 também ocorrerá na versão remota, o Enem Digital. A implantação será gradativa e visa substituir, até 2026, a tradicional prova em papel. Com isso, o Ministério da Educação (MEC) estima ter vantagens como a economia em papel, redução do risco de fraude, adaptação ao Novo Ensino Médio, aumento da interatividade e possibilidade de aplicação das provas em mais municípios.
 

CONTEÚDO PUBLICITÁRIO ESPECIAL
logo educa mais brasil