Brasil na ´elite´ da violência

Legenda: Faroeste caboclo: a criação da Força Nacional de Segurança foi uma das medidas paliativas diante de uma imensa demanda de insegurança em todo o País
Foto: Fábio Lima

Entre 84 países mais violentos do mundo, o Brasil está na quarta posição do ranking com uma taxa total de 27 homicídios em 100.000 habitantes, só perde para a Colômbia (a campeã mundial), Rússia e Venezuela. As taxas brasileiras são ainda 30 ou 40 vezes superiores às de países como Inglaterra, França, Alemanha, Áustria, Japão ou Egito.

O crescimento da violência no Brasil está associado ao grande número de fatores de risco, como as significantes desigualdades social e econômica, a alta proporção de cidadãos pobres e a grande disponibilidade de armas.

Na América Latina, as áreas metropolitanas do Rio de Janeiro, São Paulo, Cidade do México e Caracas registram mais da metade dos crimes violentos em seus respectivos países. No Brasil são mais de 100 mortes diárias por armas de fogo. Os campeões absolutos continuam sendo o Rio de Janeiro, onde a taxa é maior que o dobro da média nacional, e São Paulo, onde o número quadruplicou nos últimos anos.

Conforme o relatório Global sobre Assentamentos Humanos, do Programa das Nações Unidas para Assentamentos Urbanos (UN-Habitat), toda essa escalada da violência representa cerca de 11% do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil, ou seja R$ 87 bilhões - 60% do valor é pago pelos cidadãos.

A falência do atual sistema de segurança nos estados, com a criminalidade vencendo a maioria das batalhas nas ruas, tem reduzido a zero a confiança da população nas instituições públicas.

O estudo da ONU mostrou que 70 brasileiros entre 100 se sentem inseguros. Entre os países pesquisados, o Brasil ficou em primeiro, ganhando inclusive de países africanos como África do Sul, Botsuana, Zimbábue e sul americanos - Bolívia e Colômbia.

Diante do fato concreto de que o Poder Público não está conseguindo garantir a segurança pública, os cidadãos estão ´dando seu jeito´. Cerca de 25 mil casas contam com câmeras de vigilância.

Em São Paulo, as vendas de carros blindados subiram 33% desde 2006. Já as companhias de segurança já empregam 1,5 milhão de pessoas. Comparativamente, o Brasil ainda gasta menos que seus vizinhos latino americanos. Na Colômbia a insegurança custa 25% do PIB. No México e Venezuela, a taxa chega a cerca de 12%.

Medidas paliativas, como a criação de uma Força Nacional de Segurança e o lançamento do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci), que ainda não saiu do papel, criam um efeito midiático apenas, mas não conseguiram ainda reverter o sentimento de insegurança da maioria da população brasileira.

Os números

Pernambuco, Espírito Santo e Rio de Janeiro, pela ordem, são os Estados mais violentos do Brasil, com taxa em torno de 50 homicídios a cada 100.000 habitantes, índice comparável a países africanos, Venezuela e Colômbia.

Já o Piauí, Maranhão, Rio Grande do Norte e Santa Catarina são os estados mais seguros, com taxas em torno de 11 ou 12 homicídios a cada 100 mil habitantes. Os números fazem parte do estudo divulgado este ano pela Organização dos Estados Americanos (OEA), com dados de 2004.

Mesmo defasado, o relatório apresenta a tendência de crescimento da violência nos últimos anos. Dentre as cidades mais violentas duas são matogrossenses (Colniza e Juruena), uma capixaba (Serra) e uma matogrossense do sul (Coronel Sapucaia). A capital mais violenta do Brasil é Recife, com taxa de 91,2 homicídios por 100 mil habitantes.

O estudo mostra que as vítimas de homicídio são preferencialmente jovens na faixa dos 15 aos 24 anos, com taxas em torno de 65 homicídios por 100.000 jovens. Mas o dado assustador é que a maioria da vítimas têm entre 14 aos 17 anos, isto é, a juventude brasileira está matando e morrendo cada vez mais nos dias atuais.

Em 2004, 39,1% dos óbitos foram por agressão, sendo que 71,6% delas foram por uso da arma de fogo; 92% (45.889) dos homicídios ocorreram em homens, e 8% (3.935), em mulheres, sendo 79% na faixa etária de 15 a 39 anos.

Em 14 anos (1990 e 2004), o percentual de homicídios por armas de fogo em relação aos demais tipos de arma aumentou em todas as regiões do país, especialmente no Sudeste, no Centro-Oeste e no Nordeste . O Sudeste apresentou 50% dos homicídios, e a região Norte, 6%. Os municípios brasileiros com mais de 500 mil habitantes acumularam 41% dos homicídios, e os com até 20 mil habitantes acumularam 8%.

Nas regiões Norte e Nordeste, os homicídios concentram-se nos municípios com 25% a 50% da população que vive com menos de meio salário mínimo nacional.

CIDADES MAIS VIOLENTAS

  • 1 - Colniza (MT)
  • 2 - Juruena (MT)
  • 4 - Serra (ES)
  • 5 - São José do Xingu (MT)
  • 6 - Vila Boa (GO)
  • 7 - Tailândia (PA)
  • 8 - Aripuanã (MT)
  • 9 - Ilha de Itamaracá (PE)
  • 10 - Macaé (RJ)
  • 11 - Foz do Iguaçu (PR)
  • 12 - Itaguaí (RJ)
  • 13 - Recife (PE)
  • 550 - Fortaleza (CE)

CRIMINALIDADE - Espírito Santo têm reduzido as taxas

O secretário de Segurança e Defesa Social do Espirito Santo, Rodnei Rocha Viana, chegou a ser convidado pelo governador Cid Gomes para assumir a pasta no Ceará, mas já tinha dado sua palavra ao governador Paulo Hartung (ES) e não pôde aceitar o convite, ´que muito me honrou´, disse.

Ele já tinha sido secretário no Espirito Santo entre 2003 e 2005, quando afirma ter encontrado um quadro caótico. ´Quando retornei encontramos o crime organizado equacionado, mas a violência urbana cresceu. Realizamos ações fortes que reduziram significativamente a criminalidade, apesar de estarmos ainda com a taxa de homicídios alta em termos percentuais´, asseverou.

Destacou o trabalho integrado entre as Polícias Militar e Civil, a criação da subsecretaria de inteligência e do Centro Integrado de Operações de Defesa Social (CIODS), que segundo ele, serviu de modelo para o sistema de segurança dos Jogos Panamericanos do Rio de Janeiro; oito laboratórios de perícia e a redução do tempo de atendimento pelo telefone 190 para 7 minutos.

Com relação ao Pronasci, Rodnei se mostrou cético, pois não confia em programas nacionais, ´O que assinamos foi um protocolo de intenções. O projeto mesmo não saiu do papel´, concluiu.

Já o secretário de Segurança Pública do Rio de Janeiro, José Mário Beltrame destaca que o uso da Inteligência tem se mostrado eficiente no combate ao tráfico de drogas e a criminalidade. Ele cita o Grupo de Gestão Integrada (GGI) que reúne a cada 15 dias para discutir ações integradas.

Dentre as ações realizadas ele cita o treinamento constante dos policiais, a renovação das viaturas, reforma das delegacias e implantação de novas cabines blindadas para policiamento urbano.

Em São Paulo o secretário Ronaldo Marzagão relata que foi criado um centro integrado de inteligência, para que as Polícias Militar, Civil e Técnico-Científica trabalhem juntas. Em Pernambuco, além do uso da inteligência, a Secretaria de Segurança têm realizado ações preventivas e trabalho social junto às comunidades.

AINDA NO PAPEL - Fortaleza será beneficiada pelo Pronasci

O Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci) prevê investimento de R$ 4 bilhões em diversas ações preventivas de combate à criminalidade. Inicialmente, a proposta foi anunciada para as 11 regiões metropolitanas brasileiras mais violentas: Belém, Belo Horizonte, Brasília (Entorno), Curitiba, Maceió, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo e Vitória.

A grita foi geral com a exclusão de Fortaleza. Mas o estudo que o Ministério da Justiça detinha era que Fortaleza, entre 19 capitais brasileiras é a mais segura, com taxa de homicídio, este ano, de 20,93 por 100 mil habitantes, abaixo do índice nacional que está em 27%.

Mas uma articulação envolvendo a prefeita Luizianne Lins e o governador Cid Gomes, com o Ministro da Justiça Tarso Genro, acabou incluindo a capital cearense como a 12ª a ser contemplada com os recursos do programa nacional.

A prefeita e o governador apresentaram números diferentes baseados no crescente número de crimes como lesões corporais com taxa de 121,04 por 100 mil habitantes; roubo que tem taxa de 310,85 e furto que chega a 165,17. Até o dia 14 deste mês foram 1.173 homicídios na capital e região metropolitana de Fortaleza.

Se na capital a situação está crítica, no interior, a questão é mais complicada, sem delegacias a violência campeia. A cidade mais violenta do Ceará é Mombaça com um taxa de 41,9 homicídios por 100 mil habitantes, mesmo assim ela é apenas a 255ª cidade mais violentas do País. Logo depois aparece Ibicuitinga, na 268ª colocação, com 41,3 por 100 mil. Seguem São João do Jaguaribe (338ª), com 37,7 por 100 mil; Juazeiro do Norte (457ª), com 32,6 por 100 mil. Aparecem ainda na lista Limoeiro do Norte (470ª); Senador Pompeu (502ª) Jaguaretama (502ª) e Capistrano (540ª).

Com relação ao combate a criminalidade no Estado, o Secretário Roberto Monteiro diz que muitos projetos estão em andamento, e destacou que cinco municípios - Parambu, Ipueiras, Lavras da Mangabeira, Viçosa do Ceará e Mauriti receberão, ainda este ano, delegacias da Polícia Civil.

Ele cita ainda a construção de núcleos do Instituto Médico Legal (IML) em Iguatu, Brejo Santo, Russas, Tauá, Baturité, Tianguá e, ainda, Itapipoca. Outras medidas serão a aquisição de 200 viaturas e a recuperação de dois dos três helicópteros do Ciopaer.

O secretário destaca o trabalho em conjunto no combate aos crimes de pistolagem. Somente este ano foram 277 crimes com essa característica. Outro projeto, que ainda não saiu do papel, é o Ronda do Quarteirão, que terá 1.200 homens, 200 veículos (Hilux) e 200 motos. Fortaleza foi dividida em 91 quadriláteros de três km cada, que serão cobertos 24 horas, por dia, por uma viatura e duas motos.

SÃO PAULO E PERNAMBUCO - Inteligência e trabalho social

O secretário de Segurança Pública de São Paulo, Ronaldo Marzagão diz que a inteligência policial é fundamental para um bom trabalho. O secretário relata que foi criado um centro integrado de inteligência, para que as Polícias Militar, Civil e Técnico-Científica trabalhem juntas. O objetivo é colher informações estratégicas para que a Secretaria possa avaliar a política de segurança. A informação foi dada durante palestra concedida na última quarta-feira, na Academia do Barro Branco, São Paulo.

Ronaldo Marzagão ressaltou a importância da participação da polícia nos projetos de inclusão social, pois o crime impede que a comunidade procure os policiais. Para ele, um dos principais objetivos é prestar serviços sociais e levar proteção às pessoas que precisam.

Medidas como a expansão do policiamento municipal, a lei seca e outras, de caráter preventivo e organizativo, de acordo com a Secretaria de Segurança paulista, são fatores que têm originado a reversão do quadro de crescente violência vigente no Estado.

De acordo com o Relatório Global sobre Assentamentos Humanos, do Programa das Nações Unidas para Assentamentos Urbanos (UN-Habitat), o aumento da criminalidade em São Paulo está ligado ao crescimento urbano.

Conforme o documento, a cidade registrou 11.445 homicídios, 17 vezes mais que em Nova Iorque, com 667 homicídios. Um dos municípios suburbanos com rápido crescimento de São Paulo, Diadema, alcançou uma taxa de homicídios de 141 a cada 100.000 pessoas no ano de 2003, uma das taxas mais altas do mundo.

Mais violento

No estado mais violento do Brasil, a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS) realiza o programa ´Ciranda de Ações Preventivas´ com forte ênfase nos aspectos de prevenção social. O objetivo é desenvolver ações educativas, preventivas, sociais e culturais de controle à violência e criminalidade, bem como sensibilizar as comunidades para sua importância na construção da melhoria de vida e da imagem de grupos em situação de risco.

TAXAS DE HOMICÍDIO

1° - Pernambuco = 50,7 por 100 mil habitantes
2° - Espírito Santo = 49,4 por 100 mil habitantes
3° -Rio de Janeiro = 49,2 por 100 mil habitantes
4° - Rondônia = 38,0 por 100 mil habitantes
17° - CEARÁ = 20,93 por 100 mil habitantes

HOMICIDIOS CEARÁ

  • JANEIRO - 142
  • FEVEREIRO - 113
  • MARÇO -89
  • ABRIL- 125
  • MAIO - 117
  • JUNHO -82
  • JULHO -108
  • AGOSTO -106
  • SETEMBRO -107
  • OUTUBRO - 134
  • NOVEMBRO - 48*

* Até 13 de novembro. Fonte - SSPDC

HOMICÍDIOS POR TAXA DE 100 MIL HABITANTES - CEARÁ

2000 - 17,51
2001 -17,17
2002 -16,58
2003 -17,36
2004 -16,85
2005 -18,41
2006 -19.06
2007 -20,03

TAXAS DE HOMICÍDIOS POR 100 MIL HABITANTES

Alagoas  35,1
Mato Grosso  32,1
Amapá 31,3
Mato Grosso do Sul  29,6
São Paulo  28,6
Paraná  28,1
Goiás  26,4
Sergipe  24,4
Pará  22,7
Minas Gerais 22,6
Roraima  22,6
Ceará  20,0
Acre  18,7

CIDADES MAIS VIOLENTAS

15 - Itaboraí (RJ)
16 - Cariacica (ES)
17 - Cabo de Santo Agostinho (PE)
18 - Santa Cruz do Xingu (MT)
19 - Duque de Caxias (RJ)
20 - Ribeirão (PE) 
21 - Rio Bonito do Iguaçu (PR)
22 - Vitória (ES)
23 - Nova Iguaçu (RJ)
24 - Vicente Dutra (RS)
25 - Cotriguaçu (MT)
26 - Buritis (RO)
27- Jaboatão dos Guararapes (PE) 
28 - São Sebastião (SP) 
29 - Agrestina (PE)
30 - Diadema (SP)
31 - Jacundá (PA)
32 - Rio das Ostras (RJ)
33 -Cocalinho (MT)
34 - Conquista D´Oeste (MT)
35 - Gaúcha do Norte (MT)
36 - Itapecerica da Serra (SP)
37 - Mucajaí (RR)
38 - Chupinguaia (RO)
39 - Marabá (PA)
40 - Pedro Canário (ES)
41 - Rio Formoso (PE)
42 - Iaras (SP)
43 - Cabo Frio (RJ)
44 - Sapucaia (PA)
45 - Caraguatatuba (SP)
46 - Seropédica (RJ)
47 - Flores de Goiás (GO)
48 - Trindade (PE)
49 - Caruaru (PE)
50 - Olinda (PE)
51 -  Ponta Porã (MS)
52 - Itapissuma (PE)
53 - Viana (ES)
54 - Embu-Giaçu (SP)
55 - São Francisco do Guaporé (RO)
56 - Nova Ubiratã (MT)
57 - Nilópolis (RJ)
58 - Nova Bandeirantes (MT)
59 - Novo Mundo (MT)
60 - Cubatão (SP)
61 - Goiana (PE)
62 - Queimados (RJ)
63 - Tapurah (MT)
64 - Nova Ipixuna (PA)
65 - Brejo Grande do Araguaia (PA)
66 - Brasnorte (MT)
67 - Belém de São Francisco (PE)
68 - Betim (MG)
69 - Guapimirim (RJ)
70 - Ibimirim (PE)
71 - Belford Roxo (RJ)
72 - Rondon do Pará (PA)
73 - Maceió (AL)
74 - Petrolina (PE)
75 - Itaquaquecetuba (SP)
76 - Rio Crespo (RO)
77 - Porto Velho (RO)
78 - Parauapebas (PA)
79 - Novo Repartimento (PA)
80 - Cotia (SP)
81 - Limoeiro (PE)
82 - Angra dos Reis (RJ)
83 - Campina Grande do Sul (PR)
84 - Vila Velha (ES)
85 - Machadinho d´Oeste (RO)
86 - Feira Nova (PE)
87 - Sirinhaém (PE)
88 - Piraquara (PR)
89 - Palmares (PE)
90 - Ariquemes (RO)
91 - Paulista (PB)
92 - Embu (SP)
93 - Contagem (MG)
94 - Amaraji (PE)
95 - Ribas do Rio Pardo (MS)
96 - Taboão da Serra (SP)
97 - Ribeirão das Neves (MG)
98 - Ribeirão Cascalheira (MT)
99 - Juazeiro (BA)
100 - Aral Moreira (MS)
101 - Campo Novo de Rondônia (RO)
102 - Nova Maringá (MT)
103 - Petrolândia (PE)
104 - Maricá (RJ)
105 - Nova Tebas (PR)
106 - Vila Rica (MT)
107 - Rio de Janeiro (RJ)
108 - Osasco (SP)
109 - Saquarema (RJ)
110 - Armação dos Búzios (RJ)
111 - Guarulhos (SP)
112 - Guaíra (PR)
113 - Aliança (PE)
114 - Tucuruí (PA)
115 - Cujubim (RO)
116 - Novo Santo Antônio (MT)
117 - Santa Cruz do Capibaribe (PE)
118 - Itapevi (SP)
119 - Vitória de Santo Antão (PE)
120 - Bannach (PA)
121 - Linhares (ES)
122 - Cachoeirinha (PE)
123 - Niterói (RJ)
124 - Silva Jardim (RJ)
125 - Hortolândia (SP)
126 - Cacaulândia (RO)
127 - Parati (RJ)
128 - Belo Horizonte (MG)
129 - Torre de Pedra (SP)
130 - Cupira (PE)
131 - Guaraniaçu (PR)
132 - Praia Grande (SP)
133 - Monte Mor (SP)
134 - Santa Luzia (MG)
135 - Porto Murtinho (MS)
136 - Arraial do Cabo (RJ)
137 - Querência (MT)
138 - Peixoto de Azevedo (MT)
139 - São Félix do Xingu (PA)
140 - Teófilo Otoni (MG)
141 - Santa Maria da Boa Vista (PE)
142 - Cristalina (GO)
143 - Almino Afonso (RN)
144 - Alto Boa Vista (MT)
145 - Novo Progresso (PA)
146 - Sumaré (SP)
147 - Confresa (MT)
148 - Quipapá (PE)
149 - Escada (PE)
150 - Tamandaré (PE)
151 - Abel Figueiredo (PA)
152 - Itabuna (BA)
153 - Conceição da Barra (ES)
154 - Vila Bela da Santíssima Trindade (MT)
155 - Peruíbe (SP)
156 - Espigão Alto do Iguaçu (PR)
157 - Paranhos (MS)
158 - São Pedro da Aldeia (RJ)
159 - Santa Terezinha de Itaipu (PR)
160 - Palmas (PR)
161 - Paulista (PE)
162 - Campo Novo (RS)
163 - Aracaju (SE)
164 - São João d’Aliança (GO)
165 - Rio Branco do Sul (PR)
166 - Ivaí (PR)
167 - Iracema (RR)
168 - Rio Largo (AL)
169 - Bom Jesus do Tocantins (PA)
170 - Cuiabá (MT)
171 - Franco da Rocha(SP)
172 - Igarassu (PE)
173 - Japeri (RJ)
174 - Cabeceiras (GO)
175 - São Lourenço da Mata (PE)
176 - Mauá (SP)
177 - Pombos (PE)
178 - Itatiba do Sul (RS)
179 - Água Clara (MS)
180 - Paranaíta (MT)
181 - Ibirité (MG)
182 - São Paulo (SP)
183 - Nazaré Paulista (SP)
184 - Juquitiba (SP)
185 - São João de Meriti (RJ)
186 - Joaquim Nabuco (PE)
187 - São Nicolau (RS)
188 - Inajá (PE)
189 - Juti (MS)
190 - Simões Filho (BA)
191 - Juara (MT)
192 - Campinas (SP)
193 - Alto Taquari (MT)
194 - Paranatinga (MT)
195 - Cristal do Sul (RS)
196 - Magé (RJ)
197 - Nova Mamoré (RO)
198 - Abreu e Lima (PE)
199 - Garanhuns (PE)
200 - Ferraz de Vasconcelos (SP)
201 - Guarujá (SP)
202 - Luziânia (GO)
203 - Araguaína (TO)
204 - São Joaquim de Bicas (MG)
205 - Araruama (RJ)
206 - Ivatuba (PR)
207 - Governador Valadares (MG)
208 - Matupá (MT)
209 - Carapebus (RJ)
210 - Bertioga (SP)
211 - Goianésia do Pará (PA)
212 - Planaltina (GO)
213 - Arenápolis (MT)
214 - Sorriso (MT)
215 - Jupi (PE)
216 - Erval Grande (RS)
217 - São Joaquim do Monte (PE)
218 - Floresta (PE)
219 - Pilar (AL)
220 - Mongaguá (SP)
221 - Castanheira (MT)
222 - Paudalho (PE)
223 - Ouro Verde do Oeste (PR)
224 - Rio Brilhante (MS)
225 - Nazaré da Mata (PE)
226 - Laranjeiras do Sul (PR)
227 - Colinas do Sul (GO)
228 - Costa Marques (RO)
229 - Canaã dos Carajás (PA)
230 - Piaçabuçu (AL)
231 - Jandira (SP)
232 - Sobrália (MG)
233 - Amambaí (MS)
234 - Eldorado dos Carajás (PA)
235 - Guarapari (ES)
236 - Gameleira (PE)
237 - Pesqueira (PE)
238 - Santo André (SP)
239 - João Pessoa (PB)
240 - Juína (MT)
241 - Brejo da Madre de Deus (PE)
242 - Cachoeiras de Macacu (RJ)
243 - Orocó (PE)
244 - Tucumã (PA)
243 - Carapicuíba (SP)
246 - Ferreira Gomes (AP)
247 - Lagoa Grande (PE)
248 - Barros Cassal (RS)
249 - Dourados (MS)
250 - Itariri (SP)
251 - Macapá (AP)
252 - Feliz Natal (MT)
253 - Ibiúna (SP)
254 - Entre Rios (BA)
255 - Mombaça (CE)
256 - Cortês (PE)
257 - Satuba (AL)
258 - Monte Negro (RO)
259 - Borá (SP)
260 - Imperatriz (MA)
261 - Ipojuca (PE)
262 - Planalto Alegre (SC)
263 - Barueri (SP)
264 - Marquinho (PR)
265 - Sete Quedas (MS)
266 - Alto Paraíso (RO)
267 - Canhotinho (PE)
268 - Ibicuitinga (CE)
269 - Bezerros (PE)
270 - Alagoinha (PE)
271 - Cabrobó (PE)
272 - Jacareí (SP)
273 - Jaguaré (ES)
274 - Caaporã (PB)
275 - Santa Cecília (SC)
276 - Miguel Pereira (RJ)
277 - Anapu (PA)
278 - Arapiraca (AL)
279 - Jeriquara (SP)
280 - Resende (RJ)
281 - Carpina (PE)
282 - Campo Novo do Parecis (MT)
283 - Camaragibe (PE)
284 - Mirandiba (PE)
285 - Vale do Anari (RO)
286 - Porto Alegre do Tocantins (TO)
287 - Vassouras (RJ)
288 - Itanhaém (SP)
289 - Palmital (PR)
290 - Tanguá (RJ)
291 - Pancas (ES)
292 - Londrina (PR)
293 - Lajedo (PE)
294 - Francisco Morato (SP)
295  - Mairinque (SP)
296 - Baliza (GO)
297 - Diamante do Sul (PR)
298 - Jundiá (AL)
299 - Mairiporã (SP)
300 - Vespasiano (MG)
301 - Porto Alegre (RS)
302 - Vicência (PE)
303 - Balneário Pinhal (RS)
304 - Roteiro (AL)
305 - Campo Mourão (PR)
306 - Alvorada (RS)
307 - Itapebi (BA)
308 - São Gonçalo (RJ)
309 - Rodelas (BA)
310 - Bocaiúva do Sul (PR)
311 - Esmeraldas (MG)
312 - Corumbá (MS)
313 - Pedro Gomes (MS)
314 -Timbaúba (PE)
315 - Parecis (RO)
316 - Alcantil (PB)
317 - Água Preta (PE)
318 - Itupiranga (PA)
319 - Recursolândia (TO)
320 - Cantá (RR)
321 - Jataúba (PE)
322 - Campos de Júlio (MT)
323 - Cumaru do Norte (PA)
324 - Boa Vista da Aparecida (PR)
325 - Nova Lacerda (MT)
326 - General Carneiro (MT)
327 - Santana de Parnaíba (SP)
328 - Montes Claros de Goiás (GO)
329 - Marechal Deodoro (AL)
330 - Passos Maia (SC)
331 - São Bento do Una (PE)
332 - São Bernardo do Campo (SP)
333 - Uruana (GO)
334 - São Leopoldo (RS)
335 - Serra Talhada (PE)
336 - Espigão D’Oeste (RO)
337 - Rio Branco (AC)
338 - São João do Jaguaribe (CE)
339 - São Gonçalo do Abaeté (MG)
340 - Umuarama (PR)
341 - Goiânia (GO)
342 - Moreno (PE)
342 - São José dos Campos (SP)
344 - Campos dos Goytacazes (RJ)
345 - Tracunhaém (PE)
346 - Sapezal (MT)
347 - Barreiros (PE)
348 - Laranjal (PR)
349 - Belo Jardim (PE)
350 - Marituba (PA).
351 -Porto Calvo (AL)
352 - Felisburgo (MG)
353 - Niquelândia (GO)
354 - Queluzito (MG)
355 - Campo Alegre de Goiás (GO)
356 - Arcoverde (PE)
357 - Propriá (SE)
358 - Brasília (DF)
359 - Curitiba (PR)
360 - Frutuoso Gomes (RN)
361 - Lorena (SP)
362 - Araripina (PE)
363 - Rio Claro (SP)
364 - Itaperuçu (PR)
365 - Inocência (MS)
366 - Vitória da Conquista (BA)
367 - Rio Maria (PA)
368 - Belém de Maria (PE)
369 - Aparecida do Taboado (MS)
370 - Água Fria de Goiás (GO)
371 - Ibatiba (ES)
372 - Clementina (SP)
373 - Paragominas (PA)
374 - Calmon (SC)
375 - Apiacás (MT)
376 - Mangaratiba (RJ)
377 - São Félix do Araguaia (MT)
378 - São Vicente (SP)
379 - São Sebastião do Maranhão (MG)
380 - Abadia de Goiás (GO)
381 - Triunfo (PE)
382 - Nova Mutum (MT)
383 - Cocalzinho de Goiás (GO)
384 - Porto Seguro (BA)
385 - Curaçá (BA)
386 - Pinhão (PR)
387 - Suzano (SP)
388 - Vila Propício (GO)
389 - Honório Serpa (PR)
390 - Itacuruba (PE)
391 - Tacaimbó (PE)
392 - Monte Santo do Tocantins (TO)
393 - Pinheiral (RJ)
394 - Marcelândia (MT)
395 - Ji-Paraná (RO)
396 - Antônio João (MS)
397 - Salto (SP)
398 - Várzea Grande (MT)
399 - Pedro de Toledo (SP)
400 - Alexânia (GO)
401 - Formosa (GO)
402 - Novo Gama (GO)
403 - Capão Bonito do Sul (RS)
404 - Itati (RS)
405 - Penedo (AL)
406 - São Vicente Ferrer (PE)
407 - São Lourenço da Serra (SP)
408 - Sooretama (ES)
409 - Miracatu (SP)
410 - Atalaia (AL)
411 - Várzea do Poço (BA)
412 - Três Lagoas (MS)
413 - Itabaiana (SE)
414 - Juquiá (SP)
415 - São Mamede (PB)
416 - Volta Redonda (RJ)
417 - Tartarugalzinho (AP)
418 - Barbosa Ferraz (PR)
419 - Canindé de São Francisco (SE)
420 - Reserva do Iguaçu (PR)
421 - Figueira (PR)
422 - Teresina de Goiás (GO)
423 - Três Barras do Paraná (PR)
424 - Alto Alegre dos Parecis (RO)
425 - Santa Leopoldina (ES)
426 - Nova Friburgo (RJ)
427 - Venturosa (PE)
428 - Barra Mansa (RJ)
429 - Iretama (PR)
430 - Campo Grande (MS)
431 - Xinguara (PA)
432 - Toritama (PE)
433 - Ubatuba (SP)
434 - Pariquera-Açu (SP)
435 - Santo Antônio do Descoberto (GO)
436 - Saloá (PE)
437 - Mariluz (PR)
438 - Almirante Tamandaré (PR)
439 - Camaçari (BA)
440 - Açailândia (MA)
441 - Caxambu do Sul (SC)
442 - Lauro de Freitas (BA)
443 - Inácio Martins (PR)
444 - Santo Antônio do Leste (MT)
445 - Sorocaba (SP)
446 - Antônio Dias (MG)
447 - Catu (BA)
448 - Santo Antônio de Posse (SP)
449 - Mesquita (RJ)
450 - Valparaíso de Goiás (GO)
451 - Barra dos Coqueiros (SE)
452 - Diamantino (MT)
453 - Caraúbas (RN)
454 - Campina Grande (PB)
455 - Maragogi (AL)
456 - Colombo (PR)
457 - Juazeiro do Norte (CE)
458 - Altamira (PA)
459 - Barra Bonita (SC)
460 - São Miguel dos Campos (AL)
461 - Rondonópolis (MT)
462 - Betânia (PE)
463 - Bom Jesus do Araguaia (MT)
464 - União dos Palmares (AL)
465 - Dois Riachos (AL)
466 - Goioxim (PR)
467 - Aparecida de Goiânia (GO)
468 - Araçariguama (SP)
469 - Iperó (SP)
470 - Limoeiro do Norte (CE)
471 - Belém (PA)
472 - Cabreúva (SP)
473 - Divinópolis de Goiás (GO)
474 - Maruim (SE)
475 - Mandirituba (PR)º
476 - Itabela (BA)
477 - São Caitano (PE)
478 - Senador Pompeu (CE)
479 - Tabatinga (AM)
480 - Barra do Turvo (SP)
481 - São José do Barreiro (SP)
482 - Três Rios (RJ)
483 - Ibiporã (PR)
484 - Lagoa do Carro (PE)
485 - Caçapava (SP)
486 - Comodoro (MT)
487 - Catuji (MG)
488 - Afonso Cláudio (ES)
489 - Iraceminha (SC)
490 - Breu Branco (PA)
491 - Nortelândia (MT)
492 - Casa Nova (BA)
493 - Jesúpolis (GO)
494 - Eunápolis (BA)
495 - Irati (SC)
496 - Cambé (PR)
497 - Guia Lopes da Laguna (MS)
498 - Ortigueira (PR)
499 - Pacajá (PA)
500 - Fundão (ES)
501 - Cacoal (RO)
502 - Jaguaretama (CE)
503 - Campestre da Serra (RS)
504 - Uruçuca (BA)
505 - Roque Gonzales (RS)
506 - Jardim (MS)
507 - Perolândia (GO)
508 - Santana (AP)
509 - Pinhais (PR)
510 - Urupá (RO)
511 - Chã Grande (PE)
512 - Vargem (SC)
513 - Serra dos Aimorés (MG)
514 - Gravatá (PE)
515 - Santa Terezinha (MT)
516 - Rio das Pedras (SP)
517 - Mirassol d’Oeste (MT)
518 - Estância (SE)
519 - Remanso (BA)
520 - Boa Vista (RR)
521 - Alvorada do Norte (GO)
522 - Mombuca (SP)
523 - Nobres (MT)
524 - Chã Preta (AL)
525 - Bom Jardim (PE)
526 - Almas (TO)
527 - Nova Brasilândia D’Oeste (RO)
528 - Dezesseis de Novembro (RS)
529 - Buerarema (BA)
530 - Monte Alegre de Goiás (GO)
531 - São José da Laje (AL)
532 - Cabedelo (PB)
533 - Caldeirão Grande do Piauí (PI)
534 - Nova Monte Verde (MT)
535 - Lucrécia (RN)
536 - Pau Brasil (BA)
537 - Guararema (SP)
538 - Guarapuava (PR)
539 - Ametista do Sul (RS)
540 - Capistrano (CE)
541 - Ivinhema (MS)
542 - Itanagra (BA)
543 - São José da Tapera (AL)
544 -  Palmeira (SC)
545 - Entre Rios do Sul (RS)
546 - Tamarana (PR)
547 - Araucária (PR)
548 - Arco-Íris (SP)
549 - Brejetuba (ES)
550 - Fortaleza (CE)
551 - Branquinha (AL)
552 - Palestina de Goiás (GO)
553 - Santa Rosa do Tocantins (TO)
554 - Teotônio Vilela (AL)
555 - Cosmópolis (SP)
556 - Nova América (GO)

MARCELO RAULINO
Repórter


Redação