Em noite de Vina, Ceará goleia no Clássico-Rei

Confira coluna desta quinta-feira (18) do comentarista Wilton Bezerra

Vina comemora gol pelo Ceará
Legenda: Vina marcou dois gols na goleada histórica do Ceará no Clássico-Rei
Foto: Kid Júnior / SVM

O jogo no primeiro tempo foi "amarrado" por algum terreiro.

Os times entendendo "guardar posição" como esquema engessado.

O Ceará pareceu farejar que o Fortaleza marcaria bobeira. Só pode.

Éderson errou feio e Lima guardou.

Perda de bola no campo contrário ensejou contra-golpe perfeito do Ceará e Vina assinalou o segundo.

Jogo truncado por muitas faltas não indicava marcação de dois gols.

Desnorteado, o Fortaleza voltou para o segundo tempo, com grandes ofertas de contra-golpes para o Ceará.

Dos espaços para a "promoção", o Ceará aproveitou dois e marcou, com Vina e Yony.

O Ceará ganhou o jogo porque foi "atento e forte", como diz a canção.

A dose de erros do Fortaleza foi demasiada para um clássico.

Vina jogou demais o tempo inteiro e Mendonza deu o último passe para três gols do alvinegro.

Com a vitória, o Ceará ficou a quatro pontos do Fortaleza.