Supermercado: menos clientes, mais receitas

Sob o ponto de vista fiscal, o Ceará "é um Estado equilibrado", mas, por causa das consequências desta pandemia virótica, as atividades econômicas "estão comprometidas, exigindo a intervenção do Governo", que criou e deu publicidade a um pacote de benefícios fiscais às empresas. Esta é, em síntese, a opinião do empresário Honório Pinheiro, sócio e CEO da rede Supermercado Pinheiro. Ele entende que, "numa economia que se desmancha, só há uma única alternativa de socorro - a intervenção do Governo". Por isto, elogia o governador Camilo Santana pelas decisões anunciadas na última quinta-feira, 25. Honório Pinheiro aproveita para informar que as vendas do varejo supermercadista melhoraram, devendo registrar um crescimento de até 3% no segundo semestre, "um período em que, tradicionalmente, crescem as vendas". Pinheiro revela que "o número de clientes dentro dos supermercados tem diminuído, mas o tíquete médio aumentou como resultado da queda das visitas às lojas". No interior do Estado, os seus supermercados e os dos concorrentes cumprem fielmente os protocolos das autoridades sanitárias, "e até com mais severidade". Honório Pinheiro aposta que o fim do ano, ou seja, o período de Natal, "será bom para o varejo".

Olha a conta!

Do economista Lauro Chaves Neto: "As águas do Projeto São Francisco de Integração de Bacias chegaram, finalmente, ao Ceará. Agora o centro dos debates será o seu custo de operação. Essa conta levará em consideração o papel dessas águas no fomento das atividades econômicas e no abastecimento humano. Como a água do Velho Chico contribuirá para a redução das desigualdades regionais, a maior parte desse custo recairá sobre a União. O restante deverá ser dividido entre os estados e os usuários".

BNB

Rogério Marinho, ministro do Desenvolvimento Regional, reuniu-se quinta-feira, 25, com 20 empresários da indústria e da agropecuária do Ceará, dos quais ouviu elogios ao presidente do Banco do Nordeste, Romildo Rolim, que na véspera havia sido reconduzido ao posto. Marinho, um admirador do BNB, reforçou sua aposta na instituição: "É, sempre foi e continuará sendo a maior agência de fomento da região nordestina", disse o ministro. A propósito: ontem, no Cariri, na chegada das águas do São Francisco, empresários presentes lamentaram ausência dos governadores do CE, PE, PB e RN.

Tem 260 quilômetros

De extensão, três estações elevatórias, 15 reservatórios, oito aquedutos e três túneis o Canal Norte do Projeto São Francisco, cujas águas chegaram ontem ao Ceará. Todas as estruturas foram concluídas, restando apenas serviços complementares que não comprometem a pré-operação do canal.

No Brasil, a política, que deveria resolver todos os problemas, agrava-os pela radicalização dos políticos. Um evento como o de ontem - um divisor de águas na história do Ceará, a chegada das águas do Projeto São Francisco - exibiu, mais uma vez, a pequenez dos líderes da política. Confraternização transformada em decepção.



Categorias Relacionadas