M. Dias Branco inicia um ciclo promissor

Termina hoje um ciclo no Grupo M. Dias Branco: sai de cena o seu vice-presidente de Investimentos e Controladoria, Geraldo Luciano Matos Júnior, que ainda não decidiu se tentará um voo na política, um sonho antigo, se abrirá uma empresa de consultoria ou se optará por um dos cinco convites de empresas nacionais e multinacionais. Nos últimos 25 anos, ele vestiu a camisa da empresa fundada pelo português Manoel Dias Branco e ampliada, modernizada e agigantada pelo filho Ivens, precocemente falecido em junho de 2016, ao lado de quem sempre trabalhou e de quem aprendeu lições de empreendedorismo e de vida. Em um almoço na última segunda-feira, Geraldo Luciano e Ivens Júnior - sócio e CEO do conglomerado - relembraram momentos e decisões importantes que transformaram a companhia na potência que é hoje, a líder do mercado nacional. Luciano ouviu de Ivens Júnior palavras de elogio, carinho e agradecimento pelo seu desempenho profissional e pela inquestionável amizade à família. Os dois trocaram um longo abraço. "Nada do que fiz teria sido possível sem o apoio de dona Consuelo e de seus filhos, aos quais estou atado definitivamente. O Grupo M. Dias Branco está, como sempre esteve, em boas e competentes mãos, e seu futuro é mais do que promissor", disse ele à coluna. O sucessor de Geraldo Luciano, já escolhido, será anunciado na tarde de hoje. Os dois reuniram-se quarta-feira passada, em São Paulo. "Tive uma excelente impressão dele", disse Luciano. Na próxima quarta (4), um novo ciclo de realizações terá início na M. Dias Branco.

Em ação

Até o dia 12 de dezembro, estará aberta à visitação pública a exposição das quase 50 obras de artistas plásticos cearenses que serão leiloadas pela Campanha Amigos em Ação, criada e coordenada há 16 anos pela Alessandro Belchior Administração de Imóveis. A campanha arrecada, anualmente, dezenas de toneladas de alimentos que são distribuídos, no Natal, a entidades de beneficência. A Santa Casa de Misericórdia de Fortaleza e o Lar Torres de Melo são duas delas.

Em família

Famílias avançam sobre o poder de vários municípios do Ceará. Exemplo: o prefeito de Eusébio, Acilon Gonçalves, que tentará a reeleição em 2020, está lançando seu filho Bruno para a Prefeitura da vizinha Aquiraz. De acordo com empresários de Aquiraz, Bruno Gonçalves é, hoje, o favorito ao pleito municipal. Está na hora de o Congresso criar o voto distrital.