Só na frente dos lanternas, Fortaleza tem 3ª pior campanha no returno do Brasileirão

Desempenho do Tricolor na segunda metade da Série A só é melhor que de Botafogo e Coritiba, que já estão praticamente rebaixados

Fortaleza zaga
Legenda: Gabriel Dias e Paulão têm sido titulares no Fortaleza nos últimos jogos
Foto: Kid Junior/SVM

A fase não é nada boa e o momento gera muitas preocupações. Restando cinco rodadas para o fim do Campeonato Brasileiro, o Fortaleza ocupa a 17ª colocação, com 35 pontos, estando na zona de rebaixamento. Muito do desempenho ruim do time na Série A passa pela péssima campanha no 2º turno. Somente na frente dos lanternas, o Tricolor é o 3º pior time no returno do Brasileirão.

Ouça o podcast 'FortalezaCast'

Ao todo, em 14 jogos realizados, o Fortaleza acumula oito derrotas, quatro empates e somente duas vitórias. Somente 10 pontos conquistados em 42 disputados.

O que é mais alarmante: o aproveitamento de 23,8% é de time rebaixado!

Só na frente dos lanternas

Considerando a segunda metade da competição, o Fortaleza só fica na frente de Coritiba e Botafogo, que possuem campanhas pífias. No 2º turno, o alvinegro carioca obteve apenas três pontos, com uma vitória e 12 derrotas, enquanto o Coxa somou 9 pontos, com com uma vitória, seis empates e sete derrotas.

Não à toa que Botafogo e Coritiba são os lanternas do campeonato e já estão praticamente rebaixados à Série B.

Falta de equilíbrio

Dois aspectos possuem grande peso nesta campanha do Fortaleza: a continuidade do péssimo desempenho ofensivo e a piora no que era o ponto forte da equipe, o setor defensivo.

Com 11 gols marcados em 14 jogos, o Fortaleza detém também o 3º pior ataque do returno. Só fez mais gols que Botafogo (8) e Sport (7).

Legenda: David é um dos atacantes mais criticados pelos torcedores do Fortaleza
Foto: Natinho Rodrigues/SVM

Já a defesa, que antes era uma das mais seguras na Série A, passou a sofrer gols mais constantemente. Foram 20 no returno, e em somente três jogos a meta defendida por Felipe Alves não foi vazada (empates em 0 a 0 contra Corinthians, Flamengo e Grêmio).

Não há equilíbrio entre os setores.

Luz no fim do túnel

Restando somente cinco rodadas, o Fortaleza segue dependendo somente de si. Vencendo ao menos três jogos e empatando um, garante a pontuação necessária para sacramentar a permanência, que pode vir até com menos pontos.

Embora a situação seja difícil, há luz no fim do túnel.

Mas é preciso fazer o dever de casa, o que até agora, não tem sido feito.