Protocolo de volta aos jogos no futebol cearense está nas mãos do Governo e aguarda aprovação

Se aprovado pelo governador Camilo Santana, o protocolo permitirá que as partidas sejam retomadas no Estado do Ceará

Castelão
Legenda: Arena Castelão receberá maioria dos jogos do Estadual
Foto: Eduardo Queiroz

O protocolo para a volta aos jogos no futebol cearense já foi encaminhado ao Governo do Estado e agora depende somente de aval do governador Camilo Santana (PT) para ser aprovado. O Diário do Nordeste já havia antecipado que o documento havia sido finalizado e deveria ser repassado em breve, o que não demorou para acontecer.

O cumprimento desta etapa é de extrema importância para a volta dos jogos de futebol no Estado do Ceará. Agora a bola está com o Governo, e caso o protocolo seja aprovado, haverá sinal verde para que a Federação Cearense de Futebol (FCF) possa remarcar partidas oficiais.

A versão final do protocolo aguardava somente aval da Secretaria do Esporte e Juventude do Estado do Ceará (Sejuv) e da Secretaria do Desenvolvimento Econômico e do Trabalho (Sedet) para ser encaminhada ao Grupo de Trabalho Estratégico do Governo do Estado, criado pelo governador Camilo Santana.

O grupo é responsável pelo processo de retomada do crescimento da economia cearense por meio do retorno gradativo das atividades, em meio à pandemia do novo coronavírus, e é quem decide quais atividades poderão ou não ser liberadas em cada fase no plano estadual.

Como a cidade de Fortaleza já está na Fase 2 do plano de retomada da economia estabelecido pelo Governo do Estado, há, nos bastidores, a intenção que os jogos sejam retomados na Fase 3, no início de julho. Ceará e Fortaleza, alinhados, trabalham com esta possibilidade.

Quando for avaliado e aprovado pelo governador e também pela Secretaria da Saúde (Sesa), o protocolo será divulgado oficialmente.