Criação de centro de captação e formação de atletas fora do estado é outro golaço do Ceará na base

O Ceará tem adotado uma filosofia de valorização das categorias de base e que pretende assegurar espaço para a revelação de novos talentos

Ceará base
Legenda: Ceará tem acumulado bons resultados recentes na base
Foto: Divulgação/Ceará

O Ceará tem acumulado bons resultados e colhido frutos muito positivos nas categorias de base. Isso não acontece por acaso. O clube tem adotado uma política de valorização das categorias inferiores, com profissionalização, investimentos, e a consciência que a base representa o futuro. Nesta quarta-feira (6), o clube marcou mais um golaço com a criação do CECAF (Centro de Captação e Formação de Jovens Atletas), primeiro núcleo de captação de atletas fora do estado.

A cidade de Patos/PB foi a escolhida. O motivo: está rodeada de um total de outras 40 cidades, divididas em quatro estados (Ceará, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte), o que aumenta a abrangência de observação do clube no local. Será lá que o trabalho da captação acontecerá.

O espaço será um local para avaliações periódicas de vários jovens atletas, com a devida seleção dos principais destaques. Quem chamar atenção, será encaminhado para treinar no CT da Base Alvinegra, na Cidade Vozão.

Na prática, o Ceará estará presente em outro ponto do Nordeste para observar e atrair jogadores de demais localidades, podendo garimpar talentos que estão espalhados pela região. Além disso, garante uma expansão da marca relevante, ampliando visibilidade para fora das fronteiras estaduais.

Mais que isso, mostra como o clube tem se preocupado com uma filosofia de valorização das categorias de base e que irá assegurar espaço para a revelação de valores. É a possibilidade de que sejam descobertos novos nomes como Arthur Cabral, Felipe Jonatan, Raul.

"Esse projeto que estamos oficializando hoje vai trazer grandes frutos para as categorias de base do Ceará, tendo em vista que a gente vai massificar a captação de atletas e, além de abranger o estado do Ceará, estaremos trabalhando em quatro estados do Nordeste de uma maneira simultânea. Isso tudo está sendo possível a austeridade fiscal e administrativa do Ceará nos últimos anos, além da intenção da diretoria do clube em apostar nas categorias de base", disse Israel Portela, Diretor de Futebol Amador do Ceará.

+ Ceará faz campanha histórica no Brasileirão de Aspirantes e mira final; veja números