Clássico-Rei da Copa do Brasil vale milhões; saiba quanto Ceará e Fortaleza já ganharam no torneio

Os arquirrivais irão se enfrentar pela primeira vez na competição nacional

Atletas de Ceará e Fortaleza disputam bola
Legenda: Ceará e Fortaleza se enfrentam pela 3ª fase da Copa do Brasil de 2021
Foto: Fabiane de Paula / SVM

O Clássico-Rei ganha novo capítulo histórico nesta quarta-feira (2) em duelo inédito pela Copa do Brasil. Com rivalidade centenária, Ceará e Fortaleza se enfrentam em jogo de ida às 19h, na Arena Castelão - a volta ocorre no dia 10. E o classificado receberá R$ 2,7 milhões em premiação da CBF.

A grandeza do confronto está no retrospecto, de fato. O valor endossa o peso do episódio na narrativa centenária e pode ser fundamental na sequência da temporada. O acréscimo financeiro chega em momento de recessão e com a moral de eliminar da competição o maior rival.

O caráter decisivo na Copa do Brasil, no entanto, é formado por uma sucessão de receitas acumuladas. Em 2021, o Fortaleza precisou avançar duas fases para chegar na atual. Campeão da Copa do Nordeste do ano passado, o Ceará ganhou a regalia de estrear somente agora.

Por isso, dentre as premiações, os rivais já garantiram valores da CBF. No acúmulo geral, o Fortaleza faturou R$ 3,76 milhões com as classificações contra Caxias-RS e Ypiranga-RS. Já o Ceará tem R$ 1,7 milhão pela vaga na 3ª fase.

Confira premiação da Copa do Brasil

Valor somado do Fortaleza

  • 1ª fase (participação): R$ 990 mil 
  • 2ª fase: R$ 1,07 milhão
  • 3ª fase: R$ 1,7 milhão 
  • Total: R$ 3,76 milhões

Valor somado do Ceará

  • 3ª fase: R$ 1,7 milhão 
  • Total: R$ 1,7 milhão

Valor em disputa na Copa do Brasil

  • Oitavas de final: R$ 2,7 milhões
  • Quartas de final: R$ 3,45 milhões
  • Semifinais: R$ 7,3 milhões
  • Vice-campeão: R$ 23 milhões
  • Campeão: R$ 56 milhões