Ceará amplia opções no elenco, projeta concorrência e novas táticas com Tiago Nunes; veja detalhes

O clube iniciou a pré-temporada na último sábado (8) para o ano de 2022

Tiago Nunes segura boné em treino do Ceará
Legenda: O técnico Tiago Nunes teve os pedidos de reforços atendidos pela diretoria alvinegra
Foto: Thiago Gadelha / SVM

O elenco do Ceará iniciou os trabalhos para a temporada de 2022 no último sábado (8). Com a manutenção de Tiago Nunes no comando, a gestão foi ao mercado para atender pedidos da comissão técnica e definiu três objetivos principais com os reforços: aumentar a concorrência interna, melhorar o padrão tático construído em 2021 e oferecer repertório para novos modelos.

O departamento de futebol ainda está atento ao mercado e monitora alvos, como um zagueiro. Até o momento, o Vovô realizou sete contratações. Os casos foram definidos com Tiago Nunes.

“Nós trouxemos jogadores para o perfil do Tiago para ampliar as opções e o modelo de jogo. Um exemplo é a contratação do Zé Roberto, que é um atleta que há muito tempo a comissão técnica conversa sobre ele, o Tiago fala que gosta, que entra no modelo pela mobilidade, então a gente mapeou e fez o investimento na contratação”, explicou o presidente Robinson de Castro.

Contratações do Ceará para temporada de 2022:

  • LAD: Michel Macedo (Juventude): contrato até o fim de 2023.
  • LAD: Nino Paraíba (Bahia): contrato até o fim de 2023.
  • LAE: Victor Luis (Palmeiras): emprestado até o fim de 2022.
  • VOL: Richardson (Kashiwa Reysol, do Japão): contrato até o fim de 2024.
  • VOL: Richard (Corinthians): contrato até o fim de 2024.
  • ATA: Iury Castilho (Portimonense, de Portugal): cedido até fim de 2022.
  • ATA: Zé Roberto (Atlético-GO): contrato até o fim de 2024.

Richardson e Nino Paraíba caminham durante treino pelo Ceará
Legenda: Nino Paraíba e Richardson foram contratados pelo Ceará para a temporada de 2022
Foto: Felipe Santos / CSC

O saldo é tido como positivo pela gestão, com carências apresentadas no último ano recebendo reforços. O perfil de contratação também mudou, com menos apostas e mais jogadores de bagagem, com histórico de número de jogos no recorte recente e que possam assumir o posto de titular.

“Buscamos atletas qualificados, criando concorrência interna para ter jogadores que vão brigar nos treinamentos e, dentro de campo, pela posição. Até na rodagem do elenco, para manter o mesmo nível de performance dos que vem jogando", declarou Robinson.

Das categorias de base, o grupo integrou ao profissional o zagueiro Marcos Vitor e o meia Léo Rafael. Com a Copa São Paulo de Futebol Júnior, mais nomes do Sub-20 também são monitorados.

Mudança tática

Na montagem do elenco de 2022, um ponto fundamental para a comissão técnica é o desenvolvimento do padrão tático iniciado em 2021. Há compreensão de que Tiago Nunes chegou com um esquema montado e precisou de tempo para implementar as primeiras ideias no Brasileirão.

Para a temporada vigente, nomes como o atacante Iury Castilho - que pode atuar em duas funções no setor ofensivo - foram contratados para ampliar o repertório tático do esquema, que possui dois atletas mais avançados, extremos de velocidade e volantes de maior contenção no meio-campo.

Richard com semblante sério em treino do Ceará
Legenda: O volante Richard foi contratado com aval do técnico Tiago Nunes
Foto: Felipe Santos / CSC

Como aspecto de crescimento, um desafio interno é desenvolver padrões distintos no ano. Tiago Nunes deseja adaptar esquemas para permitir atuações com diferentes características, seja priorizando a organização ofensiva ou transição, por exemplo. O perfil adversário será analisado.

ELENCO DO CEARÁ PARA 2022:

  • Goleiros: João Ricardo, Richard, Vinícius Machado e André Luiz.
  • Zagueiros: Luiz Otávio, Messias, Marcos Victor e Gabriel Lacerda.
  • Laterais-esquerdos: Bruno Pacheco, Kelvyn e Victor Luís.
  • Laterais-direitos: Michel Macedo, Nino Paraíba, Igor e Buiú.
  • Volantes: Fernando Sobral, Richard, Richardson, Geovane, Marlon e William Oliveira.
  • Meias: Vina, Lima e Léo Rafael.
  • Atacantes: Cléber, Jael, Zé Roberto, Iury Castilho, Erick, Mendoza, Gabriel Santos e Jacaré.