Preço dos imóveis caiu 8% em Fortaleza no último ano

Mucuripe, Meireles e Guararapes forma ranking dos bairros de mais caro metro quadrado da Capital

Legenda: Mais de 600 mil imóveis deverão ser tributados pelo IPTU em 2020, segundo a Secretaria de Finanças de Fortaleza (Sefin)
Foto: FOTO: Fabiane de Paula

Fortaleza liderou o ranking das oito capitais brasileiras que apontaram recuos em 2019. O preço médio de imóveis residenciais na Capital registrou queda de 8% no ano e nos últimos 12 meses, de acordo com o índice FipeZap que acompanha o preço médio de apartamentos prontos em 50 cidades brasileiras com base em anúncios da internet divulgados nesta terça-feira (7).

Logo atrás de Fortaleza, estão João Pessoa (-4,46%), Curitiba (-2,66%), Rio de Janeiro (-2,25%) e Recife (-1,54%). Em dezembro, o índice registrou uma aceleração no ritmo de queda de 2,88%, ante a variação negativa de 1,76% em novembro. 

Apesar dos recuos, Fortaleza é a 17º  cidade mais cara do País. O valor do metro quadrado em dezembro na Capital foi estimado em R$ 5.577. Entre os estados do Nordeste, Recife é a cidade que possui o m² mais caro, custando R$ 5.946 5.121, seguido de Fortaleza (R$ 5.577/m²), Salvador (R$ 5.121 ) e Maceió (R$ 4.655). 

Bairros

Entre os bairros pesquisados pelo FipeZap de dezembro, o maior preço do metro quadrado está no Mucuripe (R$ 6.745), seguido de Meireles (R$ 6.663), Guararapes (R$ 6.619), Benfica (R$ 6.234) e Luciano Cavalcante (R$ 6.203).

Já entre os bairros que apresentaram os menores preços, estão: Varjota (R$3.826), Vicente Pinzon (R$3.814), Cidade dos Funcionários (R$3.795), Messejana (R$3.725) e Passaré (R$3.689).


Assuntos Relacionados