Possível ampliação de rotas do hub gera otimismo em setores no CE

Ontem (12), em encontro com o governador do Estado, diretora da Air France/KLM afirmou que o grupo já avalia criar novos voos para Fortaleza

Legenda: Estado poderá receber mais turistas europeus com mais voos no hub aéreo
Foto: FOTO: ERIK LIPS

Representantes de setores produtivos ligados ao turismo cearense já falam em otimismo com a possível ampliação do número de operações do grupo Air France/KLM e Gol, ligando o Ceará à Europa. A exaltação veio após o anúncio de que as companhias já estão avaliando lançar novas frequências de voos diretos de Fortaleza para Paris e Amsterdã.

A perspectiva foi confirmada pela presidente mundial do Conselho Administrativo da Air France/KLM, Anne-Marie Courdec, durante um encontro com o governador Camilo Santana, na capital francesa, na última segunda (12).

Atualmente, o Estado conta com cinco operações mantidas pelo grupo europeu, e ainda vive a expectativa de efetivar mais duas frequências nos próximos meses, anunciadas para este mês de novembro e abril de 2019.

Segundo o vice-presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis no Ceará (Abih-CE), Darlan Leite, o setor hoteleiro já vem trabalhando para elevar a qualidade de capacitação da mão de obra para atender os turistas europeus trazidos pelos voos do hub aéreo no Aeroporto Internacional de Fortaleza.

Ainda segundo Leite, a avaliação do grupo Air France/KLM de ampliar o número de operações está baseado justamente na demanda gerada pelo interesses dos europeus em relação aos destinos no Ceará. "Se a Air France/KLM está pensando em ampliar o número de voos, é porque há demanda. E tudo isso significa mais recursos para o Ceará", disse.

Moraes Neto, presidente do Sindicato de Bares, Restaurantes, Buffets e Similares do estado do Ceará (Sindirest), também afirmou que, caso se confirme, a ampliação no número de voos ligando o Estado à Europa deverá ter impacto direto na economia local. "A expectativa é muito boa. A ampliação é maravilhosa para o nosso setor de restaurantes, principalmente em destinos mais afastados da Capital, como Jericoacoara", explicou.

Resultados

"A ocupação da classe econômica chega a 95% em média e a partir desse mês teremos mais um voo da Air France e, em abril, outro da KLM. Coloquei o Estado à disposição para fazermos um case de sucesso e conectar o Ceará com o mundo", disse o governador.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios

Assuntos Relacionados