Partiu Mercado reúne estudantes em sábado de aprendizado

Evento aconteceu nesta manhã (30) em três locais, de forma gratuito, com a presença de personalidades como Haroldo Guimarães

Legenda: O ator contou detalhes de diversas fases de sua vida e como as particularidades próprias os ajudaram ou atrapalharam.
Foto: Lucas Barbosa

Em um Estado com 467 mil desempregados entre julho e setembro deste ano, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a capacitação contínua e orientação sobre planejamento de carreira são aspectos que podem fazer toda a diferença. Ainda mais onde, do total de desocupados, cerca de 34,6% possuem de 18 a 24 anos.

Para auxiliar os jovens que estão buscando entrar no mercado de trabalho, o Diário do Nordeste, em parceria com a Unifametro e o Governo do Estado, promoveu neste sábado (30) três encontros simultâneos do Partiu Mercado, projeto que visa orientar as pessoas no planejamento profissional.

Um dos bate-papos aconteceu na Unifamentro com o ator e advogado Haroldo Guimarães, um dos integrantes do elenco de Cine Holliúdy, entitulado "Seis Sabedorias que Transformam". O ator contou detalhes de diversas fases de sua vida e como as particularidades próprias os ajudaram ou atrapalharam.

Preconceitos

"Por ser negro, pobre e da periferia, eu tive muitas dificuldades no mercado de trabalho. Tive colegas na faculdade que chegaram a dizer que eu nunca iria advogar por esses motivos. Mas eu consegui me reinventar, aproveitar o que eu tinha que diferencial e me especializei em ser quem eu sou", afirma.

Entre as sabedorias - como as pessoas do Interior chamam as espertezas de alguém -, Guimarães cita que qualquer um pode ser o que quiser. "Você só precisa ter um pouco de noção e avaliar a viabilidade do que você quer ser. A segunda é: se você não acreditar em si mesmo, ninguém acredita. Claro que isso não é uma certeza absoluta, mas você precisa confiar em si", pontua.

"A terceira é: não se sabote, que está interligada diretamente com a quarta, que é se adaptar e estudar sempre. A quinta é especializar-se em ser quem você é, coisa que o amadurecimento vai mostrando pra gente. Por fim, a que considero mais importante, é unir os objetivos profissionais com os familiares, porque uma vez que você une o inteleto com o aafeto na hora de tomar um decisão a chance de dar certo é enorme", acrescenta.

Inspiração

A estudante do último período de Geografia Laissa Limeira revela que já está tentando entrar no mercado de trabalho. "Eu me interessei tanto pelo tema como por ser o Haroldo falando. Eu vou levar quase tudo que foi falado, até porque me identifiquei muito com ele, a cor, a situação de vida. É muito bom quando a gente vai pra uma palestra e se reconhece em quem está lá na frente", avalia.

Já Natália Nayana, formada em Letras, está estudando para concurso e tinha o objetivo de saber como Guimarães consegue unir tantas frentes de trabalho diferentes. "Eu até fiquei pensando se eu iria perder a minha manhã, porque eu poderia estar estudando, mas ele é um cara formidável, consegue extrair o melhor de cada pessoa em vários segmentos, seja no concurso, no trabalho formal, no empreendedorismo, enfim. A questão de ser quem você é e dar o melhor de si foi o que me marcou mais. Então se você for vender água, dê o melhor de si, se você for estudar para concurso, dê o melhor de si", afirma.

Partiu Mercado

Além da palestra do Haroldo, a coordenadora de RH Fabiana Lira falou sobre "Quero trabalhar! Como preparar minha carreira profissional?" no Cuca Barra e o palestrante e empreendedor Wladson Sidney, sobre "Coragem para ser estranho" no Cuca Mondubim.

A integrante da equipe comercial do Sistema Verdes Mares (SVM), Alessandra Joca, ressalta o objetivo do Partiu Mercado. "Esse projeto inicia com os fascículos, que orientam e ajudam o jovem que está saindo do ensino médio e direcioná-lo ao mercado de trabalho, ajudando a escolher o curso que irá fazer. Para cada evento a gente trouxe um palestrante de nome, de peso, para que desse esse upgrade. O intuito é realmente direcionar o jovem que está indo para o mercado de trabalho, para um curso superior, orientando tanto a profissão quanto o curso que ele irá fazer no momento", destaca.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios

Assuntos Relacionados