KLM reduz de quatro para três voos por semana em Fortaleza a partir de janeiro 

Companhia informou que movimentações sazonais de malha e disponibilidade de frota foram fatores decisivos 

Legenda: A KLM opera em Fortaleza desde maio do ano passado
Foto: Foto: Kléber A. Gonçalves

A companhia holandesa KLM decidiu suspender, a partir de 14 de janeiro de 2020, as operações da empresa às terças-feiras entre Amsterdã e Fortaleza. A suspensão reduz de quatro para três voos por semana entre as duas cidades. 

Em comunicado, a aérea informou que tomou a decisão por conta de movimentações sazonais de malha aérea e disponibilidade de frota para os mais de 165 destinos que a KLM tem no mundo.

"A companhia holandesa continuará com três frequências (segundas, quintas e sábados), somadas às três frequências operadas pela Air France (quartas, sextas e domingos), totalizando seis voos por semana entre a capital cearense e a Europa", disse a empresa.

Ainda de acordo com o comunicado, a restauração da quarta frequência está em avaliação pela companhia. 

A KLM não informou se a retirada do quarto voo semanal tem relação direta com a chegada da parceira Air Europa em Fortaleza, que inicia as operações duas vezes por semana, no próximo mês de dezembro, para Madri (Espanha). 

"Algo que pode ser decisivo também para eles é testarem as taxas de ocupação da Air Europa. Acho estranho tirarem esse voo em janeiro, no auge do inverno europeu", avalia Igor Pires, engenheiro aeronáutico. 

Movimentação
Segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), de janeiro a agosto deste ano, a KLM transportou mais de 54,3 mil passageiros entre a Holanda e o Ceará.

Apenas em agosto, a companhia movimentou pouco mais de 8 mil viajantes, cerca de 39,2% a mais na comparação com igual período de 2018.

De acordo com a Anac, a empresa registrou ocupação média de 86,3% em seus voos de janeiro a agosto de 2019.

Em agosto, os dados indicam ocupação média de 87,5%, abaixo dos 89,8% no registrado de agosto do ano passado.


Assuntos Relacionados