Fraport muda projeto inicial e ampliará pista do Aeroporto pelas duas extremidades

Serão 210 metros a mais, sendo 148 metros na cabeceira 13 (próxima ao Montese) e 62 metros na cabeceira 31 (próxima à BR-116), segundo a administradora aeroportuária

Legenda: Pista vai ganhar mais espaço nas duas extremidades

A ampliação da pista de pouso e decolagens do Aeroporto de Fortaleza, que visa possibilitar o recebimento de aeronaves mais pesadas (cargas e combustível), será feita nas duas extremidades: ponta e cabeceira. No anteprojeto inicial da ampliação, a ampliação de 210 metros seria apenas da cabeceira 13 (próxima ao bairro Montese). A administradora do terminal cearense detalhou as intervenções no equipamento na manhã desta terça-feira (6) durante workshop para jornalistas.

> Aeroporto deve ganhar checagem eletrônica de passaportes até o fim do ano

> Semace emite licença para ampliar pista do Aeroporto

Conforme exigido pelo contrato de concessão do Aeroporto, a pista vai passar de 2.545 metros de comprimento por 45 metros de largura para 2.755 metros de comprimento, mantendo os 45 metros de largura. Os 210 metros a mais serão distribuídos nas duas extremidades da pista, sendo 148 metros na cabeceira 13 e 62 metros na cabeceira 31 (próxima à BR-116).

A administradora aeroportuária explicou ainda que, à medida que as obras vão sendo entregues, o Aeroporto tem buscado melhorar seus indicadores. De acordo com o relatório trimestral da Secretaria de Aviação Civil, que mede a satisfação do passageiro, o Aeroporto de Fortaleza alcançou 4,24 pontos entre os terminais com 5 a 15 milhões pax/ano. A média entre esses terminais ficou em 4,39.

Ao todo, são 37 indicadores medidos para a elaboração do índice geral de satisfação. As principais pontuações do Aeroporto de Fortaleza ficaram nos quesitos “Cordialidade e prestatividade dos funcionários do check-in” (4,78 pontos, segunda maior colocação entre os terminais); “Tempo de fila na aduana” (4,76, terceira maior pontuação entre os terminais) e “Integridade da bagagem” (4,58, 3º lugar).

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios

Assuntos Relacionados