Feirão de renegociação do SPC Brasil e CDL entra na reta final

Mutirão segue até domingo (15) com atendimento presencial e online

Legenda: Diariamente, cerca de 800 pessoas têm passado pelo feirão na sede da CDL Fortaleza
Foto: FOTO: LUCAS BARBOSA

Os consumidores de Fortaleza que quiserem encerrar o ano com o nome limpo devem ficar atentos ao prazo final do feirão de renegociação de dívidas do SPC Brasil e da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) Fortaleza. O mutirão acontece até domingo (15), com descontos de até 90%. Diariamente, cerca de 800 pessoas têm passado pelo feirão.

Para renegociar as dívidas com condições especiais, os consumidores devem se dirigir ao posto de atendimento da CDL de Fortaleza munidos de RG e CPF. No balcão, será possível consultar os débitos em aberto e, identificada a dívida, realizar a negociação. Dessa forma, os consumidores já saem com o boleto impresso para quitar a conta.

Após o pagamento, a baixa do registro no sistema do SPC Brasil será feita em um prazo de até cinco dias úteis, segundo informa a instituição.

Nesta reta final, o atendimento continua na sede da CDL Fortaleza para renegociação com as empresas Bethset, Casa Pio calçados/C. Rolim confecções e Corpvs Eletrônica.

Online

Caso o credor não esteja presente durante ação, as dívidas poderão ser negociadas no site Negociar Dívida do SPC Brasil ou pelo aplicativo SPC Consumidor. Os descontos e opções de parcelamento oferecidos nos balcões também estarão disponíveis online.

No site, basta fazer o cadastro e entrar na área reservada por meio de login e senha. Ao consultar o CPF, o consumidor terá a informação do valor da dívida e de seus respectivos credores.

Já no caso do aplicativo, será necessário fazer o download, disponível para todos os sistemas operacionais, e realizar a ativação no celular. Após as confirmações de acesso, as pendências registradas na base do SPC Brasil e as disponibilizadas para negociação estarão disponíveis na área logada do consumidor.

Feirão de renegociação de dívidas oferecido por SPC Brasil e CDL chega aos últimos dias. Os consumidores inadimplentes têm condições diferenciadas e descontos de até 90% dos débitos

Você tem interesse em receber mais conteúdo de negócios?