Eventos: setor promoverá simulações para provar ao Estado que pode voltar a funcionar na pandemia

O objetivo é mostrar que o setor de eventos está tomando as medidas preventivas para conter o avanço da Covid-19 nas comemorações

Legenda: A mostra ocorrerá às 14h, no Centro de Eventos, e terá simulação de casamentos, shows e formaturas, e será restrita a empresas que estão participando
Foto: Arquivo/SVM

O Visite Ceará promoverá, em 10 de novembro, um evento visando treinar profissionais do setor para que eles garantam a segurança sanitária dos locais onde realizarão festas, com o objetivo de evitar a proliferação da Covid-19. O intuito é mostrar ao Governo, à Prefeitura e aos órgãos da saúde que o setor de eventos está capacitado para voltar a funcionar durante a pandemia, tomando as devidas medidas preventivas. A mostra ocorrerá às 14h, no Centro de Eventos, e terá simulação de casamentos, shows e formaturas, e será restrita a empresas que estão participando.

De acordo com a presidente do Visite Ceará, Ivana Bezerra, no "Recriando Eventos em Novos Momentos", as empresas participantes doarão serviços e ou produtos para fins de capacitação do setor quanto à aplicação de protocolos se segurança sanitária. 

"Queremos definir uma padronização e integrar o setor, tendo em vista que os profissionais do ramo tenham oportunidade para voltar a trabalhar e as pessoas possam ter sua rotina de eventos de volta com segurança, por isso esse treinamento é tão importante para a sociedade. Certamente será um momento único para todos", explica Ivana Bezerra.

Para a realização da mostra, o Visite Ceará firmou parceria com a Associação Brasileira de Empresas e Eventos do Estado do Ceará (Abeoc), Câmara Setorial de Turismo e Eventos e com o Sindieventos. Entre a programação prevista, o destaque será para as discussões sobre os protocolos de segurança sanitária, bem como os desafios e as soluções para o setor atualmente.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios