Em expansão nos negócios, Grupo Edson Queiroz anuncia novo CFO

Aleksandro Oliveira é o novo chefe do setor financeiro da companhia. Nos últimos três anos, o Grupo investiu R$ 5,8 bilhões em aquisições e novos negócios

Legenda: Aleksandro Oliveira, novo CFO do Grupo Edson Queiroz
Foto: Divulgação

O Grupo Edson Queiroz anunciou Aleksandro Oliveira como novo Chief Financial Officer (CFO) corporativo do conglomerado empresarial. O executivo já atuou em outras grandes empresas, como General Motors, Ford, Siemens, Goodyear, EMS Farmacêutica e Agrofoods.

A iniciativa faz parte do plano de transformação e expansão do Grupo, que atua nos setores de energia, eletrodomésticos, alimentos e bebidas, agronegócio, comunicação e incorporação.

A profissionalização da gestão executiva é uma estratégia da companhia nesta nova fase, iniciada no fim de 2020, com a chegada do presidente do Grupo Edson Queiroz, Carlos Rotella, após transição da administração familiar.

Para o novo CFO, o desafio é não só dar sequência ao legado, como potencializar ainda mais os negócios.

“A holding passou por três gerações de gestão familiar, conquistou uma posição de grande relevância no contexto econômico nacional e meu desafio agora é garantir a sustentabilidade da companhia e seus negócios."
Aleksandro Oliveira
CFO do Grupo Edson Queiroz

Investimentos

O Grupo Edson Queiroz vem de uma sequência de grandes investimentos para expansão dos negócios. O mais recente deles foi anunciado em julho deste ano: R$ 1,2 bilhão em parque de tancagem de gás de cozinha no Porto de Suape (PE) por uma joint venture formada com player global de armazenagem e a Copa Energia, controladora da Liquigás e Copagaz.

Também concluiu o processo de aquisição da Liquigás, empresa subsidiária da Petrobras por meio de consórcio que finalizou a compra por R$ 3,7 bilhões.

A expansão, além de consolidar o negócio e a liderança do consumo nas praças Norte/Nordeste, também tem o objetivo estratégico de reforçar o market share, sobretudo nas regiões Sul e Sudeste.

Soma-se à lista de recentes aquisições ainda o investimento na divisão de águas da Nestlé, consolidando a posição de maior do segmento no País.

De controle familiar desde a sua fundação, em 1951, as três gerações consolidaram o Grupo Edson Queiroz como um dos maiores conglomerados empresariais do Brasil. Com uma cultura de pioneirismo e desenvolvimento de grandes negócios, atua com 15 empresas, em seis negócios.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios

Assuntos Relacionados