Desoneração pode gerar R$ 15 bi para Receita Federal

Parte dos benefícios, que já vem dos governos Dilma e Lula, já era questionada por técnicos do fisco

Escrito por Redação Diário do Nordeste,

Negócios

Cerca de 300 incentivos fiscais que estão em vigor serão avaliados pela Receita Federal e podem gerar, caso sejam cancelados ou sofram mudanças, R$ 15 bilhões a partir de 2017 para os cofres públicos. Parte dos benefícios, que já vem dos governos Dilma e Lula, já era questionada por técnicos do fisco.

Uma força-tarefa deverá ser criada para calcular a efetividade desses programas. Dentre eles, estão as desonerações sobre a folha de pagamento, Lei de Informática, o Inovar-Auto e descontos de IPI. PIS e Cofins também estão em discussão.

A revisão está em discussão, mas ainda não há decisão do governo, que prevê um déficit de R$ 139 bilhões nas contas públicas em 2017.


Mario Mesquita

Comércio exterior do Nordeste

Mario Mesquita
26 de Maio de 2022