Construção civil tem a maior diferença salarial entre admitidos e desligados no Ceará  

Enquanto metade dos contratados da construção civil recebiam menos de R$ 1,2 mil, os demitidos ganhavam menos de R$ 1.240, uma diferença salarial de R$ 40

Escrito por Redação, negocios@svm.com.br

Negócios
Legenda: Para Sinduscom, a economia tem caminhado para um melhor desempenho do setor neste ano
Foto: Foto: Kid Júnior

A construção civil foi o setor que apresentou a maior diferença entre os salários dos trabalhadores admitidos e desligados em 2019 no Ceará.

Enquanto metade dos contratados da construção civil recebiam menos de R$ 1,2 mil, os demitidos ganhavam menos de R$ 1.240, uma diferença salarial de R$ 40. As informações são do Núcleo de Dados do Sistema Verdes Mares.

O setor de serviços foi o segundo segmento que apresentou maior variação, de R$ 24. Os admitidos recebiam no ano passado R$ 1.070. Já os desligados ganhavam menos de R$ 1.094.

Logo em seguida aparece o comércio. Neste setor, metade dos trabalhadores contratados no ano passado ganhava menos de R$ 1.059, enquanto que 50% dos demitidos no Estado recebiam menos de R$ 1.077. 

O único setor em que a metade dos trabalhadores admitidos teve remuneração maior do que os desligados foi na extrativa mineral. Neste segmento, 50% dos contratados ganhavam R$ 1,2 mil, enquanto que os desligados, R$ 1.136,50. 

Assuntos Relacionados