Ceará ganha 10.319 vagas de trabalho formal em 2019

Número decorre da diferença entre 385.096 admissões efetuadas no período e 374.777 desligamentos de janeiro a dezembro do ano passado

Legenda: Considerando apenas o mês de dezembro, houve perda de 3.396 vagas
Foto: Foto: Fabiane de Paula

O mercado de trabalho formal cearense registrou saldo positivo na geração de vagas em 2019. De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta sexta-feira (24), foram 10.319 postos, diferença entre 385.096 admissões efetuadas no período e 374.777 desligamentos.

No apanhado de todo o ano, apenas Construção Civil (-3.805) e Indústria da Transformação (-1.282) apresentaram resultados negativos. A geração de empregos mais expressiva em 2019 foi observada no setor de Serviços, com 11.783 vagas de trabalho. Em seguida, aparece o Comércio, com 2.429 postos.

Também apresentaram resultados positivos os setores Agropecuária (521); Serviços Industriais de utilidade Pública (428) e Administração Pública (161), além da Indústria Extrativa Mineral.

Considerando apenas o resultado de dezembro, entretanto, houve perda de postos de trabalho formal. Foram 22.718 trabalhadores contratados contra 26.114 desligamentos, o que gerou baixa de 3.396 vagas.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios

Assuntos Relacionados