Ray Charles morre aos 73 anos

Legenda:
Foto: AFP
São Paulo - Ray Charles, o pai da soul music, “The Genius”, morreu às 11h35min de ontem em sua casa de Beverly Hills, Califórnia, aos 73 anos, depois de uma longa batalha contra uma doença do fígado. Charles passou seus últimos dias numa cadeira de rodas motorizada. Sua última aparição pública foi em abril. Visivelmente frágil, a voz reduzida a um sussurro, ali estava o homem que agitou a música negra americana por meio século, com um prodigioso coquetel sonoro que macerou blues, gospel, standards, R&B, country, funk, pop e jazz.

Suas canções ficaram conhecidas no mundo todo. Em 1951, emplacou seu primeiro grande sucesso, o fabuloso rhythm and blues Baby Let me Hold Your Hand, seguido de Kiss-A-Me, gravada com o McSon Trio. Entre seus temas mais conhecidos estão Unchain My Heart, Summertime, Seven Spanish Angels e Baby Grand. Seu clássico de 1960, Georgia on my Mind (composição de Hoagy Carmichael), foi declarado em 1970 canção oficial daquele estado norte-americano. Tudo ele cantou e ninguém nunca cantou nada como ele. “Algumas pessoas dizem que podem sentir a tristeza em minha voz. É a soul music que dá sabor à minha música”, disse Ray Charles a O Estado de S. Paulo, numa entrevista exclusiva publicada em setembro de 1996. Ray Charles Robinson nasceu em 23 de setembro de 1930 em Albany, Geórgia. Ficou cego aos sete anos, vítima de glaucoma. No Brasil, falou também sobre suas últimas lembranças do mundo visual. “Me lembro de cores: amarelo, vermelho, azul, verde, preto. Me lembro de ter olhado para o Sol, para a Lua, coisas assim. E me lembro de minha mãe, claro. Lembro dela muito bem.” Sua infância teve lances dramáticos. Ainda muito pequeno, estudou piano clássico e clarineta. Aos 7 anos, pouco antes de ficar cego, também assistiu à morte do irmão mais novo, George, afogado num tanque de lavar roupas no quintal da casa. Nos anos 40, perdeu a mãe e foi encaminhado para uma escola de deficientes visuais, a St. Augustine´s School for the Deaf and Blind em Orlando, na Flórida.

Você tem interesse em receber mais conteúdo internacional?