Preguiça mais velha do mundo completa 50 anos

Aniversário de Paula é lembrado em zoológico no leste da Alemanha

Legenda: Imprensa registra Paula, o bicho-preguiça mais antigo do mundo
Foto: Foto: AFP

A cidade de Halle an der Saale, situada a cerca de 150 km a sudoeste de Berlim, já foi considerada a mais pobre da Alemanha devido ao desemprego elevado, o que a fazia ter a menor renda por habitante do país mais rico da Europa. Bastou a abertura de novas indústrias, a aplicação de investimentos públicos e a instalação de centros de pesquisa para deixar essa reputação para trás. Nesse canto no leste da Alemanha, há um zoológico onde vive o bicho-preguiça mais velho do mundo.

>Zoo da Alemanha exibe filhotes de suricatos
>Suricates aproveitam início da primavera para tomar sol na Alemanha
>Pinguim albino chega a zoológico e sofre rejeição do bando
>Dois filhotes de leões brancos são exibidos ao público pela 1ª vez na França

Nesta sexta-feira (14), Paula, como a preguiça é chamada, completou 50 anos, com direito a muita tietagem pela imprensa local. Sobreviver a meio século é realmente uma façanha para este mamífero exclusivo das Américas Central e do Sul.

Legenda: Tratadora Petra, melhor amiga da preguiça Paula, alimentada com frutas, folhas e raízes
Foto: Foto: AFP

A melhor amiga de Paula chama-se Petra Strecker. É a sua tratadora. A longevidade realmente tem relação com a nutrição, com os cuidados recebidos dos outros e com a atenção de quem cuida do bem-estar.

O bicho-preguiça é herbívoro, ou seja, adoro mastigar folhas, raízes e frutos, em sintonia com o estilo vegano, tão em moda nestes tempos. Também é arborícula, ou seja, vive nas árvores e, graças a suas longas garras, se pendura nos galhos sem muita dificuldade.

Legenda: Paula já viveu 50 anos; uma preguiça tem uma vida média entre 30 e 40 anos
Foto: Foto: AFP

Como todo bicho-preguiça que se preza, Paula tem hábitos solitários. Vive em seu cativeiro neste zoo alemão, onde dorme cerca de 14 horas por dia. Raramente desce ao chão. Não há onça-pintada  em Halle an der Saale. Longe de seu principal predador nas selvas das Américas, Paula ainda tem muitos anos pela frente. Vida longa ao bicho-preguiça.

Legenda: A preguiça é um bicho que vive bem sozinho, afinal, dorme 14 horas por dia
Foto: Foto: AFP

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o mundo