Papa abordará crise migratória na América Central em visita ao Panamá

Em janeiro, durante a Jornada Mundial da Juventude, Francisco vai falar da realidade dos migrantes

A crise migratória que vivem países centro-americanos como El Salvador e Honduras será um dos temas que o papa Francisco abordará durante sua visita ao Panamá em janeiro, para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ).

"É um tema no qual eu sei que o santo padre tocará", disse o arcebispo do Panamá, José Domingo Ulloa, ao ser perguntado em coletiva de imprensa sobre se o papa Francisco abordaria a questão migratória em sua visita ao Panamá.

"A realidade dos migrantes" atinge a juventude, e por isso será "um dos temas" que o papa Francisco "iluminará", acrescentou Ulloa.

O papa chegará ao Panamá em 23 de janeiro para participar da JMJ, que atrai milhares de jovens católicos de todo o mundo.

"O que o papa faz é iluminar a realidade para que nós então possamos também dar resposta a esses problemas urgentes que nossa juventude migrante vive", apontou Ulloa. A região centro-americana foi sacudida por caravanas de milhares de migrantes, principalmente de Honduras e El Salvador, que tentam chegar aos Estados Unidos.

Você tem interesse em receber mais conteúdo internacional?