Menino empurrado do 10º andar de museu de Londres está fora de perigo

Um adolescente, de 17 anos, foi detido por tentativa de homicídio, após ser acusado por visitantes de empurrar a criança

Legenda: O Tate Modern, um museu de arte moderna, é um dos pontos turísticos mais visitados do Reino Unido
Foto: AFP

O menino francês de seis anos que teria sido empurrado por um adolescente de um mirante no 10º andar do museu Tate Modern de Londres está fora de perigo, "em estado crítico", mas "estável" - anunciou ontem (5) a polícia.

O menino caiu cinco andares, cerca de 30 metros, antes de pousar no telhado do quinto andar da galeria.

Testemunhas descreveram ouvir um grande estrondo antes de ver uma mulher gritando: "Onde está meu filho, cadê meu filho?"

O garotinho foi levado de helicóptero para o hospital, onde inicialmente se receava que ele não sobrevivesse.

Os agentes ainda tentam "estabelecer as circunstâncias do incidente" e determinar o motivo pelo qual o menino foi empurrado, tuitou a Scotland Yard.

O suspeito, um adolescente de 17 anos, foi detido ali mesmo depois de ser cercado por outras pessoas presentes na plataforma. Está sendo investigado por "uma tentativa de homicídio", segundo a polícia, acrescentando que "nada indica" que conhecesse a vítima.

 


Assuntos Relacionados