Eleições nos EUA: Biden tem 51% das intenções de voto e Trump, 41%, aponta pesquisa

Candidato do Democratas abre vantagem; presidente norte-americano foi diagnosticado com Covid-19

Esta é uma imagem de Trump e Biden
Legenda: Biden apresenta vantagem nas eleições presidenciais dos Estados Unidos
Foto: Olivier DOULIERY / POOL / AFP

A menos de um mês das eleições nos Estados Unidos, pesquisa realizada pelo Ipsos/Reuters aponta o candidato do Democratas Joe Biden com 51% das intenções de voto contra 41% do presidente norte-americano. Biden abriu sua maior vantagem nas pesquisas eleitorais em relação a Donald Trump, que foi diagnosticado com Covid-19.

 Outros 4% dos entrevistados estão propensos a escolher um terceiro candidato e os demais estão indecisos.

 O estudou, feito após o diagnóstico de Covid-19, não capturou uma onda de apoio à Trump em decorrência da doença.

A pesquisa mostrou ainda que 65% dos norte-americanos acreditam que se Trump tivesse dado mais atenção ao risco de contaminação pela Covid-19, ele provavelmente não teria contraído o vírus. Entre os entrevistados, 34% disseram que o presidente foi honesto sobre o coronavírus, 55% falou que ele não falou a verdade e 11% não tem certeza.

O modo como o governo federal respondeu à pandemia é reprovado por 57% dos entrevistados, o que representa uma alta de 3 pontos percentuais em relação à última pesquisa, realizada na semana passada. 

A pesquisa foi realizada pela internet entre os dias 2 e 3 de outubro. Mais de mil pessoas responderam. 

Campanha sem atos presenciais

Os entrevistados também se manisfestarram contra atos políticos presenciais durante a pandemia. 67% não apoiam a realização de comício. Quase 60% dos norte-americanos também dizem acreditar que os debates devem ser adiados até que Trump se recupere da Covid-19.

O próximo encontro entre Joe Biden e Trump estava marcado para 15 de outubro.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o mundo