Califórnia recua e manda fechar bares e restaurantes novamente

Estado americano enfrenta um ressurgimento de contágios da Covid-19

Legenda: Em São Francisco, na Califórnia, restaurantes vão ter de fechar novamente por causa do aumento de casos de Covid-19
Foto: AFP

Com o aumento de casos de Covid-19, o estado americano da Califórnia recuou, nesta segunda-feira, em seu plano de reabertura econômica, ordenando o novo fechamento de bares, restaurantes, cinemas, zoológicos e outros estabelecimentos comerciais em espaços fechados, como adegas. O anúncio foi feito pelo governador da Califórnia, Gavin Newsom, que é do Partido Democrata, oposição ao presidente Donald Trump.

A Califórnia está registrando mais de 8.000 casos de Covid-19 por dia. Escolas de cidades como San Diego e Los Angelas vão ter apenas aulas no modelo online durante o outono (setembro e dezembro).

A segunda onda de contágios não se limita aos EUA. A Disney anunciou também, nesta segunda, que vai fechar temporariamente seu parque em Hong Kong, a partir da próxima quarta-feira (15), após o registro de 52 novos casos na cidade governada pela China.