Protesto em favor da Amazônia e contra governo federal reúne multidão na Praça Portugal

Saída do ministro do Meio-Ambiente, Ricardo Salles, também esteve entre as pautas do ato

Legenda: Milhares de manifestantes se reuniram na Praça Portugal em protesto a favor da Amazônia e contra o governo federal.
Foto: Foto: Wolney Batista

Um protesto em favor da Amazônia e contra o governo federal reuniu uma multidão na Praça Portugal, no bairro Aldeota, em Fortaleza, na tarde deste sábado (24). A estimativa dos participantes é que cerca de 3 mil pessoas tenham participado da mobilização, que também teve entre as pautas o pedido da saída do ministro do Meio-Ambiente, Ricardo Salles

Membros de movimentos sociais, universitários, políticos, artistas locais e sociedade civil fizeram parte do ato, que se estendeu até o aterro da Praia de Iracema, na avenida Beira Mar.

De acordo com a diretora local da União Nacional dos Estudantes (UNE), Jéssica Rebouças, a manifestação pretende denunciar o modelo econômico adotado pelo presidente Jair Bolsonaro e o ministro Ricardo Salles em relação a Amazônia. "(Eles) veem a floresta amazônica apenas como lucro e não entendem que esse bioma é fundamental para nossa vivência, para os povos que moram lá”, afirma.

Os manifestantes gritaram palavras de ordem como “Fora, Bolsonaro” e usaram cartazes com frases, entre elas o questionamento “Quando a última árvore cair, e os rios estiverem tóxicosvocê vai comer dinheiro?”. Também foram realizadas apresentações culturais.



Redação 02 de Julho de 2020