Paredão é apreendido e proprietário é multado por poluição sonora em posto no Bairro de Fátima

Proprietário da aparelhagem foi multado em R$ 1.278,22

Legenda: Aparelho estava acoplado ao porta-malas de um veículo estacionado no posto.
Foto: Foto: Divulgação/Agefis

Um equipamento sonoro, conhecido popularmente como “paredão”, foi apreendido e o proprietário da aparelhagem foi multado em R$ 1.278,22 por poluição sonora em um posto de combustível no Bairro Fátima. O flagrante aconteceu na madrugada deste domingo (7), por agentes da Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis).

O barulho emitido pelo aparelho de som, que estava acoplado ao porta-malas de um veículo, incomodava os moradores das residências próximas ao estabelecimento. 

O local já havia sido autuado quatro vezes entre abril e junho de 2019, por oferecer cadeiras e mesas para que clientes consumissem bebidas alcoólicas durante a madrugada, prática que favorece a utilização de paredões de som por terceiros no local. Conforme a Lei Municipal nº 9.275/2007 não é permitido consumir esse tipo de produto em tais estabelecimentos entre as 20h e as 8h. 

Além disso, a Lei nº 9.756/11 proíbe o funcionamento de paredões de som nas vias, praças, praias e demais logradouros públicos.

De acordo com a Agefis, 746 fiscalizações relacionadas à poluição sonora foram realizadas entre janeiro e junho de 2019, resultando em 306 autuações e 147 apreensões de equipamentos sonoros.



Redação 14 de Julho de 2020