Nível da Lagoa da Messejana sobe e água invade ruas e casa do entorno

Além do problema nas vias, moradores caíram em buracos que ficaram escondidos pela água

Legenda: Moradores tentaram soluções por conta própria para desobstruir alguns pontos com acúmulo de lixo e vegetação
Foto: Foto: José Leomar

O nível da Lagoa da Messejana subiu na madrugada deste domingo (7) causando transtornos para moradores da comunidade ao lado. Um sangradouro está parcialmente bloqueado por lixo e vegetação, em decorrência disso a água está escoando pela rua Frei Henrique.

Moradores se mobilizaram para retirar os resíduos sólidos do sangradouro e de um trajeto do canal por onde escoa a água. Ana Cleide, que vive há 12 anos na rua, disse que nunca havia tido sua casa alagada por conta do volume da Lagoa. “A Lagoa de Messejana não é limpa em momento nenhum. Entupiu o canal que nos trouxe esse transtorno. A população foi obrigada a abrir uma vala no local para que a água não invadisse minha casa. Procurei o Corpo de Bombeiros, a Defesa Civil e a Prefeitura só que nenhum órgão se mobiliza”, disse.

A Defesa Civil foi acionada na tarde deste domingo (7) e esteve no local e mandará uma equipe novamente para verificar a situação na tarde desta segunda-feira (8).

Um posicionamento do Corpo de Bombeiros foi solicitado pela reportagem, que questionou se procede a omissão reclamada pela moradora mas o órgão não respondeu até a publicação dessa matéria.

Problemas com manutenção

Além da falta de limpeza do local, os moradores reclamam de outro tipo de manutenção na Lagoa da Messeja. Um trecho do calçadão da Lagoa está sem a grade de proteção que foi derrubada em um acidente de carro há cerca de dois anos, como informa a população, permanecendo sem reparo.

A reportagem entrou em contato com a Regional VI (órgão responsável pelo bairro), questionando sobre a manuntenção da grade de proteção danificada, mas nenhuma resposta foi enviada até o momento desta publicação.

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza


Redação 20 de Outubro de 2020