Maranguape e Sapupara sofrem com falta de água

Segundo a Cagece a paralisação no abastecimento foi ocasionada por uma manutenção emergencial em uma adutora de água bruta

Escrito por Redação,

Metro

Lavar roupa, cozinhar, tomar banho e várias outras atividades estão sendo prejudicadas devido a falta de água que os moradores do Maranguape estão enfrentando. Segundo o morador Carlos Teles há cerca de oito dias as pessoas que vivem na parte alta da região estão sofrendo com o problema. 

“O que está salvando a gente é uma cacimba que tem na casa de um vizinho, um poço profundo. Quem tem bomba e mangueira puxa a água do poço”, explica Carlos. 

A Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) informa que o abastecimento de água em Maranguape e distrito de Sapupara foi suspenso até o final desta sexta-feira (10). A paralisação no abastecimento foi ocasionada por uma manutenção emergencial, realizada pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (COGERH), em uma adutora de água bruta.

De acordo com a nota enviada pela Cagece ao Diário do Nordeste, após o término da manutenção, o sistema de abastecimento da Cagece voltou a funcionar normalmente. Porém, em algumas áreas mais elevadas e distantes, o completo equilíbrio do sistema poderá ocorrer até o final deste sábado (11).