Lei que prevê multa para quem desperdiçar água espera regulamentação; veja quem poderá ser multado

Texto divulgado no Diário Oficial do Município ainda não definiu valores. A população pode denunciar o uso excessivo, negligência e desperdício de água potável pelo número 156

Legenda: É considerado desperdício, dentre outras cosas, manter torneiras, canos, conexões, válvulas, caixas-d'água, reservatórios, tubos ou mangueiras com o uso contínuo de água ou vazamento.

A Prefeitura de Fortaleza sancionou uma lei caracterizando como infração o desperdício de água na Capital. Ou seja: na prática, quem for flagrado desperdiçando água, será multado. A decisão já foi publicada no Diário Oficial do Município, mas, até agora, falta a regulamentação para que as fiscalizações sejam iniciadas.

A população, entretanto, já pode denunciar.  Além da fiscalização, a Prefeitura de Fortaleza também realizará, em casos de uso indevido, campanhas educativas com a distribuição de folhetos informativos sobre efeitos do desperdiçamento de água potável. 

O que diz a lei?
 No descumprimento da nova lei (nº 10.892), está prevista notificação ao infrator pelo órgão público competente e possível aplicação de multa, em caso de reincidência. A determinação também versa sobre o “consumo desnecessário e exagerado ou a negligência no aproveitamento” de água. 

Quem pode ser multado? 
Poderá ser multado quem praticar rotinas como essas, caracterizadas como desperdício:
I - Lavar calçadas com o uso contínuo de água, utilizando o esguicho da mangueira como vassoura; 
II - Lavar veículos automotores com o uso contínuo de água, utilizando o esguicho da mangueira ininterruptamente sem o auxílio de um recipiente d'água; Exceto casos de lava-jatos, que poderão ter sistema de redução do consumo ou reutilização da água. A adequação destes será verificada pelos respectivos licenciamentos ambientais;
III - Molhar a rua continuamente com esguicho de água;
IV - Manter torneiras, canos, conexões, válvulas, caixas-d'água, reservatórios, tubos ou mangueiras com o uso contínuo de água ou vazamento;
V - Negligenciar sobre vazamento em tubulação hidráulica.

Quando as fiscalizações serão iniciadas?
Para isso, a lei precisa ser regulamentada. Questionado sobre quando a regulamentação será concretizada, o Gabinete da Prefeitura não soube precisar prazo. 

Qual o valor da multa?
Enquanto aguarda ser regulamentada, ainda não foram determinados valores de penalização. 

Como denunciar?
A população já pode contribuir denunciando casos de infração pelo número 156. As pessoas que ajudarem neste aspecto serão chamadas de “fiscais do desperdício de água”. 

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza