Funceme registra chuva em 154 postos de coleta do Ceará

A maior média ocorreu no posto Tiaia, no município de Granja, em 86 milímetros

 

O Ceará amanheceu com registro de chuvas em 154 dos 220 postos monitorados pela Fundação Cearense de Meteorologia (Funceme), até às 7h desta quarta-feira (20).  Em todo o Estado, 97 municípios contabilizaram precipitações no intervalo. 

Na Capital, a maior média foi de 45 mm no posto da Água Fria, seguida por Pici (34,6 mm), Messejana (30 mm) e Castelão (27,8 mm). 

10 maiores chuvas por posto no dia

  • Granja (Posto Tiaia De Baixo): 86.0 mm
  • Camocim (Posto Camocim): 80.0 mm
  • Marco (Posto Panacui): 74.2 mm
  • Fortim (Posto Fortim): 64.0 mm
  • Santana Do Acaraú (Posto Santana Do Acaraú) : 63.2 mm
  • Redenção (Posto Redencao): 57.6 mm
  • Groaíras (Posto Groaíras): 53.1 mm
  • Ocara (Posto: Ocara): 52.2 mm
  • Jati (Posto Sitio Macapa): 51.0 mm
  • Barreira (Posto Barreira): 51.0 mm

Vídeos enviados ao Diário do Nordeste mostram a dimensão das chuvas em diferentes pontos do Estado. No Distrito de Dom Maurício, Quixadá, por exemplo, a precipitação foi acompanhada de fortes ventos.

Em Jati, na Região do Cariri, a chuva atravessou a madrugada. Já em Itaitinga, na Região Metropolitana de Fortaleza, os veículos e pedestres tiveram dificuldade de se deslocarem por causa do volume de água nas vias.

Ainda de acordo com a Funceme, o Ceará tem apenas 10% de chance de anotar chuvas acima da média no trimestre de fevereiro a abril; 50% de probabilidade de receber chuvas abaixo da média e 40% em torno da normalidade.

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza