Fortaleza amanhece com chuva em diversos pontos da cidade

No Ceará, houve registros de precipitações em cerca de 30 cidades

Escrito por Marcus Peixoto,

Metro

Fortaleza amanheceu com chuva nesta segunda-feira (8). Diversos pontos da cidade receberam precipitações, segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).

No Pici, local que registrou maior volume na Capital, o pluviômetro marcou 23,6 milímetros. Já na Água Fria, o registro foi de 22,2mm. Na Messejana e na região do Castelão os volumes chegaram a 17mm.

No Estado, houve chuvas em 26 municípios. Apesar das chuvas na Capital, a cidade de Sobral foi onde ficou registrado o volume mais intenso. Lá, o registro foi de 35,8 mm. Segundo levantamento da Funceme, a previsão é que haja mais chuvas nesta terça-feira (9), com predominância no Norte do Ceará, especialmente na faixa litorânea.

"Como é provável que chova mais neste mês, a expectativa é que fiquemos ainda mais próximos da média histórica", afirmou o supervisor de Tempo e Clima da Funceme, Raul Fritz. Ele mencionou a instabilidade atmosférica como fator de grande de influência.Neste mês, que marca o fim da quadra chuvosa, as precipitações têm sido menos intensas. Historicamente, maio registra média de 90,6mm. Até esta segunda, o volume observado é de 17,mm.

Apesar de que ainda haja uma pluviometria inferior a aguardada para se inserir dentro da média, Fritz assina que a distribuição por região é também bastante distinta. Enquanto que o Sertão Central e os Inhamuns apresentam um deficit de 30%, a segunda região mais prejudicada pela irregularidade da quadra foi o Cariri, com 29,6%.

Conforme o meteorologista, as chuvas que ocorrem, principalmente, no Norte e na faixa litorânea, que compreende a faixa marinha desde o Icapuí até Chaval, são decorrentes da influência da Zona de Convergência Intertroprical.