Educação Infantil em Horizonte tem destaque por valores humanos

Em 2017, a cidade obteve índices acima do que prevê a Meta 7 do Plano Nacional de Educação (PNE) e Plano Municipal de Educação (PME), de acordo com o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica

A pouco mais de 40 quilômetros de Fortaleza, o município de Horizonte abriga índices de destaque no que diz respeito à Educação Infantil e ao Ensino Fundamental. Durante a Cerimônia de Certificação de 2.694 cursistas beneficiados por programas e projetos da Secretaria de Educação de Horizonte (SMEH), a ênfase aos valores humanos foi descrita como a ‘chave’ para o ensino e aprendizado de qualidade.

O processo de monitoramento do Plano Municipal de Educação (PME) realizado em 2018 aponta que, em 2016, Horizonte superou as metas projetadas no acesso às etapas da Educação Infantil e Ensino Fundamental, ultrapassando também a média do Ceará e do Brasil, conforme destaca o secretário municipal de Educação de Horizonte, Reginaldo Cavalcante. 

Em relação aos indicadores de qualidade auferidos pelo Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, em 2017, a cidade obteve índices acima do que prevê a Meta 7 do Plano Nacional de Educação (PNE) e PME. Para o secretário, o fortalecimento dos laços e das práticas pedagógicas voltadas ao desenvolvimento da aprendizagem pelo diálogo e à melhoria da relação entre a família e a escola é a base para um sistema educacional de qualidade. 

“Nós destacamos a atuação do Instituto Myra Eliane, com o Projeto Valores Humanos na Educação Infantil. Horizonte é pioneiro nesta empreitada com o Instituto, e nós queríamos celebrar o que acreditamos ser o melhor presente que alguém pode receber, que é melhorar a sua formação humana e científica, e aplicá-la na cidade”, afirma. 

A proposta de capacitação em prol dos valores humanas foi apresentada ao Município pelo Instituto Myra Eliane em 2017. O projeto abrangeu auxiliares de serviços gerais, diretores, professores, alunos integrantes dos grêmios, da educação infantil e seus respectivos coordenadores.
 

Público

“Valores como um ‘bom dia’, um abraço fazem toda a diferença no dia a dia da escola, e nós estávamos percebendo que isso tinha se perdido”, lembra Reginaldo Cavalcante.
Em Horizonte, o projeto atingiu um público de 2.900 alunos e mais de 100 professores, em 17 Centros de Educação Infantil (CEIs) e em nove escolas, que também oferecem educação infantil.

A diretora do CEI José Antônio da Silva Professor Sena, Alcione de Paula, 37, passou pela qualificação e presenciou a mudança positiva na forma como os alunos e familiares recebem as iniciativas dos educadores. “A capacitação permitiu que nós pudéssemos interagir com as nossas crianças da melhor maneira possível. Os pais gostaram, até nos cobram a participação em atividades junto com as crianças”, relata a gestora.

Para 2019, a SMEH espera conseguir a adesão das 23 escolas restantes que ainda não participam do projeto.


Assuntos Relacionados


Redação 02 de Agosto de 2020