Decreto de isolamento social será antecipado, diz Camilo Santana

Informação foi anunciada durante assinatura de decreto de compra do Hospital Leonardo da Vinci

No ato de assinatura do decreto de aquisição do Hospital Leonardo Da Vinci, unidade privada que foi utilizada pelo estado para o tratamento da Covid-19, o governador Camilo Santana (PT) informou que irá antecipar para esta sexta-feira (27), a publicação do decreto semanal em relação as regras de distanciamento social.

“Nós passamos a pandemia toda enfrentando fakenews aqui no Estado do Ceará. E continuamos enfrentando isso agora na véspera da eleição. Estão espalhando por aí que a partir de segunda-feira vai ter um lockdown no Ceará. Venho dizer que essa é uma informação mentirosa, que tenta confundir a população do Ceará", disse. "É claro que a gente tem feito um trabalho com muito critério, com muito planejamento, com uma equipe de profissionais, tomando todas as decisões a partir de orientações científicas e dizer que, inclusive, amanhã temos a reunião do Comitê e iremos publicar o decreto da próxima semana já amanhã, para não ter dúvidas para a população e o povo do Ceará”, afirma o governador.

Geralmente, o estado anuncia as modificações ou manutenção das regras na sexta e o decreto com a formalização fica para o fim de semana. Segundo o chefe do Executivo, por conta da divulgação de informações falsas sobre um possível 'lockdown' após as eleições, o comitê resolveu antecipar a formalização das regras.

Semanalmente, gestores públicos e técnicos da área da Saúde se reúnem para tratar da situação da pandemia no Estado do Ceará.

Hospital Leonardo da Vinci

O governador anunciou que o hospital Leonardo da Vinci vai ser incoporado à rede pública. "Estamos transformando hospital privado em hospital público do SUS", afirmou.

A unidade tem mais de 200 leitos. "Esse hospital está sendo usado para reduzir e a meta é zerar a fila de cirurgias eletivas em Fortaleza e no estado do Ceará", declarou.

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza