Comunicado: Política de prevenção

Diante do cenário de guerra visto em Manaus, com falta de respiradores e de oxigênio para os pacientes de Covid-19, o Ministério Público do Ceará (MPCE) e Ministério Público Federal (MPF) pediram informações da atual demanda de oxigênio hospitalar no Ceará recebida pela empresa White Martins Gases Industriais do Nordeste Ltda, que é a mesma que presta serviços para o Estado do Amazonas. O prazo é de cinco dias para o envio das informações. O MP ainda pede à empresa a demanda do setor público e privado no Estado entre abril e agosto de 2020, além das eventuais dificuldades para entregar a demanda recebida. Os ofícios foram enviados também às secretarias da saúde em Fortaleza e no Estado.

Reconhecimento

O secretário estadual de administração penitenciária, Mauro Albuquerque, fez questão de publicar, no Diário Oficial do Estado, elogio aos policiais penais e militares. O registro foi publicado na edição desta segunda-feira (18). Ao todo, foram citados nominalmente 66 profissionais penais e 4 militares. A razão do reconhecimento foi a postura adotada pelos profissionais durante a iminência de fugas no Centro de Detenção Provisória e Instituto Penal Professor Olavo Oliveira - IPPOO2, no começo deste mês. A intenção do chefe da Pasta é que os elogiados "sirvam como exemplo aos seus pares".

Posse

A Universidade Estadual do Ceará (Uece) empossou ontem os pró-reitores. O evento ocorreu de forma presencial, mas foi restrito à mesa diretora e aos empossados. A cerimônia foi transmitida nas redes sociais da instituição estadual. Os pró-reitores integrarão a Administração Superior da Uece pelos próximos quatro anos, durante gestão do reitor Hidelbrando Soares. Os novos membros estarão à frente das Pró-Reitorias de Pós-Graduação e Pesquisa (PROPGPq), Graduação (Prograd), Extensão (Proex), Administração (Proad), Planejamento (Proplan) e Políticas Estudantis (Prae).

Melhora

O ex-senador Luiz Pontes (PSDB) apresentou melhora no estado de saúde. Ele não precisa mais do uso de respirador e não está mais sedado. O dirigente tucano chegou a ser entubado nas últimas semanas por conta da Covid-19. Já realizando sessões de fisioterapia intensiva, a previsão é que Pontes deixe a Unidade de Terapia Intensiva ainda nesta semana.

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza