Comunicado: Durante a pandemia, boa romaria faz...

O governador Camilo Santana faz bem em continuar mantendo as igrejas fora do rol de lugares de funcionamento essencial durante a quarentena, resistindo a pressões de religiosos da base aliada pela reabertura dos templos. Pelo mundo, temos alguns exemplos claros que corroboram a medida.

Na Coreia do Sul, a igreja evangélica Shincheonji foi considerada pelas autoridades o principal foco de propagação da Covid-19, tendo seu líder, Lee Man-Hee, chegado a pedir desculpas, de joelhos, aos sul-coreanos.

Na França, a celebração da Igreja Pentecostal Porta do Sol Cristã, entre 17 e 24 de fevereiro, foi o pontapé inicial para que o leste do País se tornasse a região mais afetada pelo coronavírus, a partir da localidade de Haut-Rhin, na Alsácia.

Com todo respeito a todas as práticas religiosas, o momento é de evitar aglomerações. Mais do que nunca, vale o ditado: Boa romaria faz quem em sua casa está em paz.

Neuroses

A principal alegação dos deputados que têm tentado mudar o posicionamento de Camilo quanto à reabertura das igrejas é a condição psicológica debilitada à qual a pandemia e a quarentena têm levado muitos fiéis. Fazendo coro junto aos colegas da bancada religiosa, Fernando Hugo (PP) ressaltou a necessidade de apoio espiritual nesses tempos. Segundo ele, há de se pensar nos "quadros de neurose que existem em cada um de nós" e no "quantitativo de neuróticos que vão descompensar pelo isolamento social". De fato, é preciso tranquilidade para atravessar o momento.

Terapia voluntária

Enquanto algumas igrejas não se ajustam completamente às rotinas cada vez mais virtuais dos tempos de pandemia, uma rede de psicólogos voluntários de vários estados brasileiros tem disponibilizado atendimento gratuito por WhatsApp, via videoconferências. A iniciativa é do Grupo de Estudos Pesquisas e Ações em Psicologia de Orientação Psicodramática o Grupo Creare, do Ceará. As consultas são marcadas pelo site do grupo, nas seções "Atendimento Psicológico Voluntário Online" ou "Acolhimento voluntário".

Todos com máscara

Estão abertas, desde ontem, as inscrições para profissionais autônomos de costura, microempreendedores individuais e microempresas que possam atender à demanda por máscaras de tecido utilizadas para proteção das vias respiratórias. A ideia da Prefeitura é distribuir 1,5 milhão de máscaras a Fortalezenses em situação de vulnerabilidade social, além de servidores administrativos do Município. A iniciativa também cumpre papel de fomentar a atividade econômica. As inscrições vão até amanhã, pelo site todoscommascara.Fortaleza.Ce.Gov.Br

Multa eleitoral

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) anunciou que os eleitores que pagarem a multa eleitoral estão dispensados de apresentar o comprovante ao cartório. A comprovação agora se dará de forma automática por meio do Sistema ELO, em um prazo de até 48 horas depois do pagamento. O objetivo, além de dar praticidade ao sistema, é diminuir a demanda por serviços à distância do Tribunal durante a pandemia do coronavírus.


Categorias Relacionadas