Ceará ultrapassa 7 mil mortes pela Covid-19, com 141.248 casos confirmados

O número de recuperados é de 115.053

O Ceará contabiliza 7.030 óbitos confirmados por Covid-19. O Estado registrou 141.248 casos confirmados do novo coronavírus desde o início da pandemia. Os dados são da plataforma IntegraSUS, atualizada às 12h25 desta quarta-feira (15) pela Secretaria de Saúde do Estado do Ceará (Sesa). 

> Academias não voltam a funcionar na 4ª fase do plano de retomada, afirma governador
> Frota reduzida aumenta riscos para usuários de transporte público
> MPCE tem procedimentos sobre combate ao coronavírus em quase 90% dos municípios cearenses

A primeira morte pela Covid-19 no Ceará foi confirmada em 26 de março. O Estado alcançou a marca de 6 mil óbitos em 29 de junho, há 16 dias.

O número de recuperados da enfermidade é de 115.053. Já foram realizados 362.925 testes para detectar a doença no Estado. Há ainda 72.397 casos em investigação e 600 mortes suspeitas. A mortalidade da doença é de 4,98%.

Municípios 

Fortaleza segue como a cidade com os maiores números da doença no Ceará, registrando 38.504 diagnósticos positivos da Covid-19 e somando 3.545 óbitos pela doença. O governador Camilo Santana afirmou, em entrevista ao Sistema Verdes Mares, que aulas presenciais, bares e academias na capital não irão retomar na fase 4 do plano de reabertura econômica

As cidades da Região Metropolitana que se destacam, pelo número de casos, são Caucaia (4.610) e Maracanaú (4.505). Caucaia é a segunda cidade em número de mortes, com 303 confirmações. Em Maracanaú, 215 pessoas não resistiram à doença. 

Sobral, principal cidade da região Norte, contabiliza 8.635 casos confirmados da doença e soma 261 mortes. A cidade, junto à Fortaleza, Caucaia e Maracanaú, aparecem no ranking das 20 cidades da região Nordeste com mais casos do novo coronavírus. 

Juazeiro do Norte, no Cariri, concentra 4.342 diagnósticos positivos e 159 falecimentos pelo novo coronavírus. A região caririense tem a maior taxa de reprodução do vírus no Ceará. O Cariri passou pelo pico de mortes pelo novo coronavírus entre o final de junho e começo de julho, conforme a Sesa

Leitos de UTI     

A taxa de ocupação dos leitos das Unidades de Terapia Intensiva (UTI) no estado é de 67,13%, enquanto nas enfermarias chegava a 43,21%.



Redação 03 de Agosto de 2020