Ceará chega a 128.471 casos confirmados da Covid-19; número de óbitos é 6.665

O número de recuperados em todo o estado já ultrapassa os 101 mil, conforme boletim da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa)

Legenda: Mais de 324 mil testes já foram realizados no Ceará
Foto: AFP

O Ceará contabiliza 128.471 casos confirmados de Covid-19, com 6.665 mortes causadas pela doença, conforme dados da plataforma IntegraSUS atualizados pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesa) às 15h26 desta quarta-feira (8). O número de recuperados é de 101.678

Fortaleza se mantém com os maiores indicadores e registra 37.601 diagnósticos positivos, com 3.447 óbitos. Na Região Metropolitana de Fortaleza, Maracanaú e Caucaia apresentam grande expressão da doença, com 4.198 e 4.072 confirmações, respectivamente. 

 

Seguindo a capital no número de casos está Sobral, com 7.697 registros e 249 vítimas da doença. A cidade está em lockdown desde 1° de junho. A medida para diminuir a disseminação do Sars-coV-2 também vigora em Juazeiro, Crato, Barbalha, Brejo Santo, Iguatu e Tianguá. 

Conforme o IntegraSUS, há ainda 68.914 casos em investigação e já foram realizados 324.782 testes para identificar o vírus em todo o Ceará. 

A letalidade da doença, proporção entre os número de casos e mortes, está em 5,2% no Estado. Entre os óbitos confirmados, 14 ocorreram nas últimas 24h.

A plataforma indica que a ocupação dos leitos de UTI está em 68,63% no Ceará. Já os leitos de enfermagem estão com ocupação de 46,03%. 

Os números divulgados pela Secretaria da Saúde são atualizados permanentemente e fazem referência à disponibilidade dos resultados dos testes para detecção da presença do vírus, ou seja, não necessariamente correspondem à data da morte ou do início da apresentação dos sintomas pelo paciente.

Linha de frente

Dados da plataforma atualizados na manhã desta quarta (8) apontam que 95% dos profissionais da saúde infectados pelo novo coronavírus no Ceará estão recuperados. Ao todo, já foram diagnosticados 12.531, desses 11.896 se recuperaram. O boletim também mostra que 28 morreram em decorrência da doença. 

O número de profissionais da saúde que entraram em contato com o vírus representa 9,7% do total de casos confirmados no Estado (127.952). Ainda são investigados 6.862 casos entre os trabalhadores.