Campanha de vacinação contra a gripe é prorrogada 

No Ceará, a imunização continua destinada somente para os grupos prioritários 

Legenda: Até o momento, 82% do público-alvo do Ceará foi vacinado, enquanto a meta é de 90%
Foto: Foto: JL Rosa

O Ministério da Saúde (MS) prorrogou, nesta sexta-feira (31), a campanha de vacinação contra a gripe até o dia 14 de junho em todo o Brasil.

No Ceará, a imunização continuará sendo destinada somente às pessoas de grupos prioritários, conforme informou a Secretaria da Saúde do Estado (Sesa).

O Ministério da Saúde, contudo, recomendou que a imunização seja ofertada para todas as pessoas nos locais onde a meta já tenha sido atingida. 

As doses estão disponíveis nos postos de saúde nos 184 municípios. Até o momento, 82% do público-alvo do Ceará foi vacinado, enquanto a meta é de 90%.  

A baixa procura pela vacinação contra a gripe tem atingido a maioria das unidades federativas do País. Dos 26 estados e o Distrito Federal, apenas seis atingiram ou superaram a meta de imunização. São eles: Amazonas (98,5%); Amapá (98,5%), Pernambuco (93,6%), Espírito Santo (91,3%), Rondônia (90,4%); e Maranhão (90%). 

Grupos prioritários 

São considerados prioritários: crianças de 6 meses até 6 anos, gestantes, idosos com 60 anos ou mais, mulheres com até 45 dias de pós-parto, doentes crônicos, trabalhadores da saúde, população indígena, adolescentes e jovens sob medida socioeducativa, população carcerária e funcionários do sistema prisional e professores de escolas públicas e particulares e profissionais das forças de segurança e salvamento (policiais civis, militares, bombeiros e membros ativos das Forças Armadas). 

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza


Redação 01 de Dezembro de 2020