Bebê engasgada com leite materno no Caça e Pesca é salva por agentes da Guarda Municipal

Mãe da criança a levou para uma torre de segurança do órgão, onde o socorro foi realizado

Criança engasgada
Legenda: Família se reencontrou com os guardas nesta segunda-feira (14)
Foto: Leabem Monteiro/SVM

A Guarda Municipal de Fortaleza (GMF) socorreu uma bebê de apenas 20 dias de idade, na noite desse domingo (13), após ela sofrer um engasgo com leite materno. O caso aconteceu no bairro Caça e Pesca, na capital cearense. Um vídeo mostra o momento em que a criança é salva.

Conforme a Guarda Municipal, a bebê, desacordada pelo engasgo, foi levada pela mãe até uma torre de segurança do órgão, localizada na região, na qual os guardas realizaram os procedimentos necessários para a criança ser salva. 

Nas imagens, é possível ver um dos guardas municipais com a criança, nas mãos, próximo a outros dois agentes e à mãe da vítima. Em seguida, após o socorro, a bebê é devolvida à mulher.

De acordo com Bruna Ramos Gonçalves da Silva, de 21 anos, mãe de Agatha Abigail, por volta das 23h, a filha começou a chorar. Nesse momento, ela tentou amamentar  a bebê, mas sem sucesso. Logo após, a criança expeliu um líquido da boca. "Minha mãe chupou o nariz dela, aí começou a sair o leite. Bateu nas costas dela, mas não estava resolvendo", lembra.

Em seguida, a jovem afirma que resolveu levar a filha até a torre da Guarda Municipal que fica localizada próximo à casa dela. Lá, disse que foi amparada pelos agentes.

"O moço bateu nas costas dela aí ela começou a chorar. Depois, eles perguntaram se a gente iria querer ir na UPA (Unidade de Pronto Atendimento)", conta.

Conforme a jovem, os três agentes, dois homens e uma mulher, continuaram a dar suporte a ela e à criança na unidade de saúde.

"Eles ficaram com a gente, nos esperaram. Deram todo o suporte. Eu só tenho a  agradecer a eles. Na hora, a gente fica sem reação, fica preocupada. É um choque. Está tudo bem, graças a Deus. Só tomar mais cuidado para não acontecer mais", relata Bruna.

Quero receber conteúdos exclusivos da cidade de Fortaleza


Redação 30 de Outubro de 2020