22 novas escolas passam a funcionar em tempo integral no Ceará

Dessas, 19 são Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral (EEMTIs) e outras três Escolas Estaduais de Educação Profissional (EEEPs)

O governador Camilo Santana divulgou, nesta quinta-feira (7), as novas escolas de tempo integral do Ceará. Agora, serão 22 instituições de ensino funcionando em dois turnos, das quais 19 Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral (EEMTIs) e três Escolas Estaduais de Educação Profissional (EEEPs).

"Com essas novas 22 escolas, vão passar a ter 252 [instituições] de ensino médio em tempo integral no Estado, juntamente com as profissionalizantes e as de ensino médio regular", afirmou.

Segundo Santana, para ser de tempo integral, as escolas passam por uma avaliação da Secretaria Estadual de Educação (Seduc). Um dos pontos analisados é a estrutura física, para saber se a instituição possui condições de ter aulas nos dois períodos.

Estágio internacional

Além disso, o governador do Ceará garantiu que irá encaminhar para a Assembleia um projeto de lei que permite aos estudantes da rede pública de ensino ter um estágio em países do exterior. "Inicialmente, a gente ia trabalhar só com os jovens do Centro Cearense de Idiomas (CCI), mas agora também vamos trabalhar com os das escolas", assegurou.



Redação 08 de Julho de 2020