Torcedores do Flamengo protestam no Ninho do Urubu: "time sem vergonha"

Pressão no time carioca aumentou após as derrotas nos dois últimos jogos da Série A

Legenda: Os jogadores tiveram dificuldades para entrar no CT devido à cobrança dos torcedores
Foto: reprodução

Aos gritos de "time sem vergonha" e "acabou o amor, isso aqui vai virar um inferno", cerca de 60 torcedores estiveram, nesta terça-feira (12), na entrada do Ninho do Urubu, para protestar contra o atual momento da equipe do Flamengo. Parte do grupo pediu também a saída do técnico Rogério Ceni.

Os jogadores tiveram dificuldades para entrar no CT, pois seus carros eram cercados por torcedores, que chegaram a atirar ovos em direção aos vidros dos automóveis, apesar do reforço policial no local.

O Flamengo perdeu os dois últimos jogos pela Série A do Campeonato Brasileiro (Fluminense e Ceará), e desperdiçou oportunidade de se aproximar do líder São Paulo também derrotado nas últimas duas rodadas.

O time permanece com 49 pontos e caiu para a 4ª colocação, sendo superado por Internacional e Atlético-MG. O Flamengo vai ficar um tempo fora do Rio, pois encara o Goiás, em Goiânia, e depois o Palmeiras em Brasília e o Athletico-PR em Curitiba.

A cobrança sobrou até para os jogadores da categoria sub-20, que também chegavam para o treino da tarde, por terem sido eliminados na Copa do Brasil no domingo passado pelo Athletico-PR.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte