Técnico Zé Ricardo recebe proposta do Japão e pede demissão do Vasco

Destino do comandante é o Shimizu S-Pulse

Zé Ricardo, ex-técnico do Vasco durante entrevista coletiva
Legenda: Zé Ricardo deixa o Vasco no G-4 da Série B
Foto: Daniel Ramalho / Vasco da Gama
O técnico Zé Ricardo pediu demissão do comando do Vasco na manhã deste domingo (5). A equipe carioca vive um bom momento na Série B do Campeonato Brasileiro, está invicta e dentro do G-4 da competição. A decisão do treinador pegou os dirigentes do cruzmaltino de surpresa. Em nota, a equipe se manifestou e agradeceu os serviços do, agora, ex-téncico. 

"O Vasco da Gama agradece o profissional por toda dedicação ao longo do período que permaneceu à frente do time profissional do Gigante da Colina. Nos últimos seis meses, Zé Ricardo e sua equipe trabalharam de forma incansável no projeto que visa o retorno à elite do futebol nacional.", anunciou a diretoria do time carioca.

Também deixaram o clube o auxiliar Cléber dos Santos e o preparador físico Fábio Eiras. Para a sequência da Série B, o time será comandado por Emílio Faro e Daniel Félix, que pertencem à comissão técnica permanente do clube.

Zé Ricardo teria optado por deixar o clube por conta de uma proposta irrecusável do Shimizu S-Pulse, clube que disputa a elite do futebol japonês. 
 

 

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte