Osvaldo lamenta eliminação, mas parabeniza empenho da equipe: "Mostramos nossa força"

Tricolor venceu por 2 a 1, mas, com gol sofrido no fim, foi eliminado da Sul-Americana

Legenda: Osvaldo se destaca em eliminação do Fortaleza na Sul-Americana.
Foto: Foto: Thiago Gadelha / SVM

Principal nome do Fortaleza na vitória por 2 a 1 sobre o Independiente, na Arena Castelão, na noite desta quinta-feira (27) Osvaldo lamentou a eliminação do Tricolor na Copa Sul-Americana, mas elogiou a postura da equipe na partida e fez projeção visando crescimento do clube para ser "um dos grandes do futebol brasileiro".

"Não tem muito o que falar, só parabenizar a todos. Todo mundo foi guerreiro. Hoje o Brasil inteiro e a Sul-Americana conhecem que o Fortaleza é uma equipe aguerrida, que joga pra frente, sempre para vencer, independente de quem vem pela frente. Mostramos nossa força", disse o atacante.

Derrotado por 1 a 0 no jogo de ida, em Avellaneda, o Tricolor do Pici precisava fazer 2 a 0 para passar de fase. E fez com Juninho e Marlon! No entanto, quando o marcador bateu 47 minutos da segunda etapa, Bustos diminuiu pra os argentinos, acabando com a festa dos mais de 50 mil tricolores presentes na no estádio Governador Plácido Castelo.

"A equipe deles jogava por um erro nosso", lamentou Osvaldo, que seguiu à diante, deixando a eliminação para o passado e já projetando uma evolução ao clube. "Agora é levantar a cabeça e ir pra frente. Temos muito o que evoluir. Vamos trabalhar para cada vez mais elevar o patamar do Fortaleza para um dos grandes do futebol brasileiro".

Revelado nas categorias de base do Leão, o camisa 11 foi o destaque da equipe de Rogério Ceni com jogadas hábeis e velocidade, chegando sofrer penalidade convertida por Juninho ainda na primeira etapa do confronto entre brasileiros e argentinos.

"Sou um prata da casa. Sempre que entro em campo, dou meu máximo pois a cada jogo que passa, é um ano a menos de carreira. Procuro dar o meu melhor. Infelizmente, hoje não conseguimos nosso objetivo. Vencemos o jogo mas não foi suficiente", finalizou o atacante.

Eliminado, o Fortaleza volta suas atenções ao Campeonato Cearense, Copa do Nordeste e Copa do Brasil, que entra nas oitavas de final da disputa.

Sem ter muito tempo para descanço, o Leão já entra em campo neste domingo (1º), quando recebe o Barbalha, às 16h, no estádio Presidente Vargas (PV), pelo Campeonato Cearense