Novorizontino x Floresta: o que está em jogo, onde assistir e prováveis escalações

Verdão da Vila Manoel Sátiro garantiu o acesso à Série C e agora briga por vaga na final da 4ª divisão nacional. Partida ocorre neste sábado (23), em São Paulo

Legenda: O Floresta empatou com o time paulista na Arena Castelão em 1 a 1
Foto: Ronaldo Oliveira / Floresta

A missão foi alcançada: o Floresta está na Série C do Campeonato Brasileiro de 2021. O foco agora é a ambição, o sonho de ser campeão nacional. Assim, o time visita no sábado (23) o Novorizontino, em São Paulo, pela volta da semifinal da 4ª divisão. A bola rola às 18h, no estádio José Ismael de Base. A Rádio Verdes Mares transmite ao vivo, com tempo real do Diário do Nordeste.

Como o primeiro confronto - realizado na Arena Castelão - terminou com placar de 1 a 1, uma nova igualdade deixa a disputa nas penalidades. E o resultado externa o equilíbrio entre as equipes, apesar da melhor campanha geral da competição ser do adversário.

O Verdão da Vila Manoel Sátiro então entra em campo sem o favoritismo e defendendo a boa campanha como visitante. No mata-mata, por exemplo, a equipe não perdeu diante de Itabaiana, Juventude de Samas e América/RN. Na fase de grupos, são duas derrotas em sete compromissos.

Legenda: O Floresta resistiu à pressão na ida e pode garantir vaga na final no segundo jogo
Foto: Ronaldo Oliveira / Floresta

O panorama é fruto da identidade tática do técnico Leston Júnior. O Floresta mantém a formação e os conceitos aplicados dentro e longe dos domínios, ou seja, em todo caso é uma equipe que tenta administrar a posse de bola e explorar as laterais em velocidade.

Pela qualidade técnico do adversário, ainda invicto em casa, manter uma postura mais reativa para acelerar no contra-ataque deve ser uma estratégia adotada. Isso porque o Novorizontino conseguiu levar perigo na Arena Castelão, principalmente nas investidas aéreas.

“A gente esperava dificuldade. Sabemos do poderio do Novorizontino, tecnicamente é acima da divisão (Série D), com base do Campeonato Paulista, e a gente sabia que precisava neutralizar muito e aproveitar bem as oportunidades. A decisão está em aberto, em jogos de mata-mata a decisão sempre fica no último quarto”, explicou o técnico alviverde.

A tendência é que o atacante Luis Soares retorne ao plantel titular. Camisa 10 do Verdão, foi desfalque no último compromisso por conta de um problema estomacal. Com o trio ofensivo de toda a competição - Flávio Torres, Deysinho e Luis Soares - o Floresta se torna mais agressivo na briga pela vaga na grande final.

Vale ressaltar que o futebol cearense soma dois títulos da Série D. O primeiro com o Guarany de Sobral, campeão em 2010 - o primeiro título nacional do Estado. Na sequência, em 2018, o Ferroviário faturou o torneio e se garantiu na Série C - divisão que ocupará também em 2021.

Novorizontino

Legenda: O Novorizontino apostou no jogo aéreo na disputa na Arena Castelão
Foto: Ronaldo Oliveira / Floresta

O time paulista chega com grande campanha na Série D. Em 21 jogos, venceu 13, empatou seis e perdeu apenas em duas oportunidades. Dentro de casa, o retrospecto é ainda mais favorável: foi vazado apenas uma vez em toda a competição, sempre decidindo no mata-mata em casa.

Com a alcunha de protagonista, promete manter o ímpeto diante do Floresta. Apesar do cenário, o meia Pereira pregou respeito com o adversário cearense.

“Muita gente fala que somos favoritos, mas não acho isso. É jogo aberto e a partida de ida mostrou isso. O Floresta tem uma grande equipe, muito bem treinada. Não por acaso conquistaram o acesso. É preciso ter respeito máximo. Está tudo aberto e sabemos que teremos que nos doar muito para chegarmos à grande final da competição”, avaliou.

A equipe comandada por Roberto Fonseca é armada no 4-3-3. A peça mais avançada é o atacante Guilherme, que atua no pivô, mas apresenta também muita mobilidade.

Ficha técnica

Floresta x Novorizontino

Competição: Série D do Brasileiro - Semifinal

Estádio: Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte/SP

Data: 23 de janeiro

Hotário: 18h

Árbitro: Paulo Henrique de Melo / MS

Transmissão: em tempo real no Diário do Nordeste.

Novorizontino: Giovanni; Felipe, Adriano, Édson Silva e Paulinho; João Pedro, Léo Baiano e Danielzinho; Pereira, Guilherme e Cléo Silva. Técnico: Roberto Fonseca.

Floresta: Douglas; Lito, Alisson, Wilian Goiano e Fábio Alves; Marconi, Jô, Thalison, Deysinho e Luis Soares; Flávio Torres. Técnico: Leston Júnior.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte